Morre a atriz Cacilda Lanuza


Morreu no dia 17 de junho a atriz Cacilda Lanuza, aos 87 anos.

Cacilda Lanuza Godoy Silveira nasceu em Capina Grande, em 01 de setembro de 1930. Nascida na Paraíba, Cacilda foi educada em Juiz de Fora, Minas Gerais, e adolescente mudou-se para Recife. Seu amor pela cidade era tanto, que se considerava "pernambucana de coração".

Em Recife cursou aulas de frevo, e começou a chamar a atenção nas festas da cidade. Ingressou no Rádio na Rádio Jornal do Recife, sob tutela de Teófilo de Barros. Lá apresentou programas como Fantasia e Jóias da Literatura, e também atuou em rádio novelas. 

Em 1952 o cineasta brasileiro Alberto Cavalcanti, com longa carreira internacional, a contratou para atuar em O Canto do Mar (1952). Foi sua grande chance na carreira artística. 

Cacilda em O Canto do Mar

Neste mesmo ano foi indicada ao concurso de Rainha do Rádio, ficando em segundo lugar. O Concurso abriu-lhe as portas para atuar no eixo Rio - São Paulo. 

Com Mary Gonçalves, no concurso da Rainha do Rádio

Contratada pela TV Paulista, passou a apresentar o programa Esse Mundo é das Mulheres, dirigido por Walter Forster. Junto com Hebe Camargo, Wilma Bentivigna, Lourdes Rocha e Eloísa Mafalda, Cacilda apresentou primeiro programa feminino da televisão brasileira. Também apresentou o programa Mappin Movietone na emissora.

Em 1964 fez sua primeira novela, ainda na paulista, chamada O Pintor e A Florista. Atuou ainda em novelas como Olhos que Amei (1965), Os Miseráveis (1967) e A Menina do Veleiro Azul (1969). No final da década de 60 passou a dedicar-se ao teatro, afastando-se da televisão. Ocasionalmente retornou as telinhas atuando em Meu Pedacinho de Chão (1971), Morte e Vida Severina (1981) e Joana (1984), seu último trabalho na TV.

Apesar de uma curta carreira no cinema, atuou em filmes brasileiros importantes, como Chão Bruto (1958), O Caso dos Irmãos Naves (1967) e Trilogia do Terror (1968), atuando no episódio A Procissão dos Mortos, dirigido por Luiz Sérgio Person.

Lima Duarte; Cacilda Lanuza; Francisco Negrão em Chão Bruto

Juca de Oliveira; Raul Cortez; Lélia Abramo; Cacilda Lanuza; Júlia Miranda; Anselmo Duarte
em O Caso dos Irmãos Naves

Afastada da vida pública, Cacilda dedicava-se atualmente a causa da proteção animal. Sua morte foi divulgada por seus amigos nas redes sociais. Ela tinha 87 anos de idade.

Cacilda na década de 90




Curta nossa página no Facebook
Se inscreva no nosso canal do Youtube

2 comentários:

Se inscreva no nosso canal no Youtube

Postagem em destaque

A viagem de Clark Gable ao Brasil