Sandra Bréa, a estrela breve


Sandra Bréa foi uma das maiores estrelas do cinema e teledramaturgia brasileira. Bela e talentosa, era considerada uma das mulheres mais bonitas das artes brasileiras nas décadas de 70 e 80.


Sandra Bréa Brito nasceu no Rio de Janeiro, em 11 de maio de 1952.  Filha de um Oficial da Força Aérea dos Estados Unidos e de Aurora Bréa, Sandra passou parte de sua infância no Texas. De volta ao Brasil ainda criança, constantemente frequentava os bastidores do teatro brasileiro, acompanhada de seu padrasto, o ator Jardel Filho, seu padrastro.  Logo a bela jovem começaria a trabalhar como modelo.

E aos quatorze anos de idade, estreou no teatro de revista, no Teatro Poeira, de Ipanema (onde também apresentou-se Leila Diniz).
 

Aos 15 anos de idade ela estreou no teatro, atuando na peça Plaza Suíte (1968), ao lado de Fernanda Montenegro e Jorge Dória.

 Sandra Bréa, Fernanda Montenegro e Jorge Dória

Nas novelas, Sandra estreou na novela Assim Na Terra Como Céu (1970), mesmo ano que passou a integrar o elenco do humorístico Faça Humor, Não Faça Guerra (1970). Mas o sucesso na televisão só começou em 1972, quando o diretor Daniel Filho viu sua apresentação no Canecão, interpretando Liza Minelli, em um espetáculo do showman Miéle.

Daniel convidou Sandra para ingressar no elenco de O Bem Amado (1972), clássico de Dias Gomes, onde ela contracenou com o padrasto Jardel Filho.

Sandra Bréa em O Bem Amado

No ano seguinte Sandra já estava no auge, com uma carreira meteórica, ela estava na novela Os Ossos do Barão (1973), foi eleita Rainha das Atrizes, e venceu o prêmio de Melhor Atriz no Festival de Cinema do Guarujá, por seu trabalho no filme Sedução (1973), ao lado do amigo Ney Latorraca, também agraciado no mesmo festival.

A atriz Vanda Lacerda passando a faixa de Rainha das Atrizes para Sandra Bréa


Nas telenovelas, a atriz destacou-se em Corrida do Ouro (1974), Escalada (1975), O Pulo do Gato (1978), Memórias de Amor (1979), Elas por Elas (1982), Sabor de Mel (1983), Ti Ti Ti (1985), Bambolê (1987), Pacto de Sangue (1989), Gente Fina (1990) e Felicidade (1991). Com exceção de Sabor de Mel, feita na Rede Bandeirantes, todas as demais foram feitas na Rede Globo. Diagnosticada com AIDS em 1993, Sandra Bréa afastou das telas, retornando à TV em 1997, numa participação especial na novela Zazá, onde interpretou a si mesma, falando sobre os portadores do vírus HIV.

Na TV ainda, ela brilhou em programas como Viva o Gordo (1981-1987), Estúdio A... Gildo (1981) e principalmente no musical Sandra & Miéle (1976), que trazia para a televisão o glamour dos espetáculos da Broadway.

Miéle e Sandra Bréa

No cinema, Sandra estreou em Um Uísque antes, um Cigarro depois (1970). Ela brilhou ao trazer de volta as revistas para os cinemas em Cassy Jones, o Magnífico Sedutor (1972), de Luiz Sérgio Person.

Sandra Bréa em Cassy Jones, o Magnífico Sedutor


Considerada um dos maiores símbolos sexuais das décadas de 70 e 80, Sandra posou nua diversas vezes. A frente do seu tempo, a atriz não tinha problemas em falar sobre sua sexualidade, em plena ditadura militar.

Os outros filmes em que ela atuou são Os Mansos (1973), Sedução (1974), O Prisioneiro do Sexo (1978), Amada Amante (1978), A Noite dos Duros (1978), A República dos Assassinos (1979), Herança dos Devassos (1979), Sábado Alucinante (1979), Os Imorais (1979), Sede de Amar (1979), O Convite ao Prazer (1980) e As Aventuras de Mário Fofoca (1982).

 Sandra Bréa em Sábado Alucinante

Desde que anunciou que era soropositiva, Sandra Bréa se afastou de tudo e de todos. Mas a atriz dizia que a AIDS não iria matá-la, que ela morreria de outra coisa como qualquer outra pessoa. Em 1999 ela foi diagnosticada com um tumor maligno no pulmão, e os médicos lhe deram seis meses de vida. Sandra Bréa recusou o tratamento à base de quimioterapia e radioterapia.

Em 04 de maio de 2000, ela faleceu em sua casa, em Jacarepaguá. Sandra Bréa tinha apenas 47 anos de idade.

A atriz foi casada três vezes, e teve um único filho, Alexandre Bréa Brito, que ela adotou após ele, ainda bebê, ter sido abandonado em seu camarim.






Curta nossa página no Facebook 
Se inscreva no nosso canal do Youtube

0 comentários:

Enviar um comentário

Se inscreva no nosso canal no Youtube

Postagem em destaque

A viagem de Clark Gable ao Brasil