Por Onde Anda? O Ator Anthony Edwards



Na década de 1980 e 1990 o ator Anthony Edwards ficou famoso ao atuar em filmes como Top Gun: Ases Indomáveis, A Vingança dos Nerds e Cemitério Maldito II, mas sua consagração veio com o a série Plantão Médico, onde ele viveu o Dr. Mark Greene.




Anthony Charles Edwards nasceu em Santa Barbara, Califórnia, em 19 de julho de 1962. Ele é filho de Erika Kem Weber Plack, uma artista plástica e do arquiteto Peter Edwards, e neto do designer Kem Weber.

Anthony Edwards começou a atuar no teatro comunitário local, e acabou recebendo uma bolsa de estudos para a Academia Real de Artes Dramáticas, na Inglaterra, e depois estudou teatro na Universidade do Sul da Califórnia.

Mas antes de obter a formação de ator, ele já atuava desde a infância, e aos 11 anos de idade já havia atuado no filme Big Zapper (1973), além de ter feito alguns trabalhos na televisão. Ele tinha como mentor artístico o diretor Gary Goddard.




Mas apesar de ter tido uma experiência ainda na infância, Edwards só retornou ao cinema no filme Picardias Estudantis (Fast Times at Ridgemont High, 1981).


Anthony edwards e Eric Stoltz em Picardias Estudantis


Depois, foi um dos protagonistas da série It Takes Two (1982-1983), e depois atuou no filme Lutando Pelo Futuro (High School U.S.A, 1983), ao lado de outra promessa de Hollywood, Michael J. Fox e dos astros da série Arnold (Different Strokes), Dana Plato e Todd Bridges.


Elenco de  Lutando Pelo Futuro


Anthony Edwards se tornava um astro juvenil da nova geração de Hollywood, e apareceu na comédia Vingança dos Nerds (Revenge of the Nerds, 1984), Garota Sinal Verde (The Sure Thing, 1985) e ao lado de Linda Fiorentino estrelou Gotcha!: Uma Arma do Barulho (Gotcha!, 1985), além de estrelar o telefilme A Estória de Bill Johnson (Going for the Gold: The Bill Johnson Story, 1985), sobre a vida de um esquiador olímpico.


Linda Fiorentino e Anthony Edwards em Gotcha!: Uma Arma do Barulho




Sua fama aumentou ainda quando ele interpretou o sargento Nick "Goose" Bradshaw em Top Gun: Ases Indomáveis (Top Gun, 1986), o maior sucesso de bilheteria daquele ano. Seu personagem fez muito sucesso junto ao público, mas acabou morto em um acidente aéreo.


Anthony Edwards e Tom Cruise em Top Gun: Ases Indomáveis



Anthony Edwards ainda fez os filmes No Calor do Desejo (Summer Heat, 1987), A Vingança dos Nerds 2: Os Nerds Saem de Férias (Revenge of the Nerds II: Nerds in Paradise, 1987), O Elétrico Mr. North (Mr. North, 1988), Os Falcões (Hawks, 1988), Como Entrei Para Faculdade (How i Got Into College, 1989) e Dois Tiras Infernais (Dowton, 1990).



Anthony Edwards e Robert Carradine em A Vingança dos Nerds 2: Os Nerds Saem de Férias


Anthony Edwards e Robert Mitchum em O Elétrico Mr. North


Em 1992 o ator estrelou o terror O Cemitério Maldito II (Pet Sematary II, 1992), ao lado do jovem Edward Furlong, que fez muito sucesso. Porém, antes dono de uma longa cabeleira, como exibida nos primeiros filmes, Edwards agora apresentava uma calvície precoce, que limitou sua carreira de galã de Hollywood.


Edward Furlong e Anthony Edwards em Cemitério Maldito II


Sua carreira começou a declinar no começo dos anos 1990, e o ator atuou em filmes menores como A Caminho do Inferno (Delta Heat, 1992) e aceitou papéis coadjuvantes em filmes importantes, como O Cliente (The Client, 1994).



Susan Sarandon, Brand Renfro e Anthony Edwards em O Cliente


Nesta época, ainda havia muito preconceito com um ator de cinema migrar para a televisão, considerado um veículo menor na época. Quando isto acontecia, era uma espécie de decadência artística.

Anthony precisou recorrer à televisão, atuando na mal sucedida Northern Exposure (1992-1993). Na televisão também, ele foi escalado para viver o Dr. Mark Greene na série Plantão Médico (E.R.), em 1994.

O programa fez um enorme sucesso mundial, e revelou ao mundo o ator George Clooney


George Clooney em Plantão Médico


O enorme sucesso da série fez de Anthony Edwards um astro novamente, agora da TV. Ele recebeu quatro indicações ao Emmy pelo seu papel, ganhou um Globo de Ouro e dois Screen Actor's Guild de Melhor Ator, e tornou-se o ator mais bem pago da tv norte-americana, recebendo 35 milhões de dólares por três temporadas.


Anthony Edwards e seu Globo de Ouro


O sucesso do programa fez com ele também realizasse seu sonho de se tornar diretor. Anthony Edwards dirigiu o longa O Segredo do Fantasma (Charlie's Ghost Story, 1995), no qual também atuou, além de dirigir diversos episódios da série Plantão Médico.

E enquanto estava no elenco do programa também atuou em filmes como Corações Apaixonados (Playing by Heart, 1998) e A Magia do Amor (Don't Go Breaking My Heart, 1999).


Em 1994 o ator havia se casado com Jeanine Lobell (com quem ficou casado até 2015), e agora era pai de quatro filhos. Ele então resolveu deixar o elenco de Plantão Médico, para ficar mais tempo com seus filhos, e saiu no final da oitava temporada do programa. 

Anthony Edwards retornaria a série em 2009, em uma participação especial na temporada final do programa. Como seu personagem havia morrido, seu retorno foi através de flashbacks.


Anthony Edwards e seus filhos


Anthony Edwards havia guardado dinheiro, e preferiu a vida familiar tranquila à fama, sumindo de Hollywood. Eventualmente, ele apareceu em filmes como Os Thunderbirds (Thunderbirds, 2004), Os Esquecidos (The Forgotten, 2004) e Zodíaco (Zodiac, 2007).


Mark Rufallo e Anthony Edwards em Zodíaco


Em 2009, ao lado de Uma Thurman, atuou no grande fracasso Uma Mãe em Apuros (Moterhood, 2009), considerado o maior fracasso comercial das bilheterias inglesas. O filme vendeu apenas 11 ingressos no país, e também não foi bem sucedido no resto do mundo. Edwards justificou a escolha do papel por achar que o roteiro era muito honesto ao abordar a vida familiar.



Anthony Edwards, Uma Thurman e Minnie Driver em Uma Mãe em Apuros


Com os filhos crescidos, o ator voltou a atuar com mais frequência, aparecendo ainda em O Primeiro Amor (Flipped, 2010) e Experimentos (Experimenter, 2015) e também atuou na série Zero Hour (2013), além de dublar a animação da Disney Aviões (Planes, 2013), onde reencontrou o colega de Top Gun Val Kilmer.

Em 2016 Anthony Edwards voltou a direção com a comédia Ops! Meu Namorado Morreu (My Dead Boyfriend, 2016), e estreou na Broadway em 2018.


Anthony Edwards na Broadway


Em 2017 o ator veio a público com um pesado e triste relato de que foi estuprado pelo diretor Gary Goddard quando tinha 11 anos de idade. Foi Gary quem o descobriu, e lhe deu os primeiros trabalhos no cinema e TV. 

O diretor foi acusado de fazer parte de uma rede de pedofilia de Hollywood, do qual fazem parte outros diretores e produtores. Segundo Edwards, ele tinha em Gary o seu melhor amigo, e o abuso sexual durou por anos, e outros amigos de Gary também abusaram do garoto por anos.

A violência sexual foi o que fez Anthony Edwards deixar a carreira de ator mirim, e retornar a atuação apenas quando já estava adulto. Segundo o ator, ele levou anos para digerir e entender a violência que havia sofrido.

A mãe do ator havia o proibido de atuar quando ele tinha 14 anos de idade, e ouviu boatos de que Gary Goddard era um pedófilo. Apavorado com as ameaças, o pré adolescente não disse nada na época.

Na época, já haviam sete denúncias contra o diretor, que comandava um esquema de pedofilia entre homens poderosos de Hollywood (do qual faziam parte o diretor Bryan Singer), mas todas as vítimas haviam sido desacreditadas, por não serem famosas, o ex ator mirim Brian Claflin havia cometido suicídio em 2014 depois da repercussão negativa que havia recebido após denunciar o diretor. Foi preciso o depoimento de Anthony Edwards para finalmente dar crédito as vítimas.

Contra Singer, diretor de muitos filmes muito bem sucedidos, já haviam denúncias não apuradas desde 1997.

Anthony Edwards, Garry Goddard e outros meninos que trabalhavam nas produções do diretor



Atualmente, o ator  tem aparecido mais em séries de televisão, como Law & Order True Crime (2017) e Designated Survivor (2019). Em 2022 ele esteve no elenco do grande sucesso da Netflix Inventando Anna (Inventing Anna). Ele interpretou um banqueiro que quase faz um empréstimo milionário para a golpista russa.

Anthony Edwards também acaba de filmar um episódio de  Tales of The Walking Dead, um spin off do grande sucesso The Walking Dead, que ainda não estreou.


Anthony Edwards e Julia Garner em Inventando Anna


Anthony Edwards em Tales of the Walking Dead


Em 2022 também voltou à Broadway, na peça Girl From the North Country, que tinha no elenco sua antiga colega de elenco Mare Winnigham, com quem trabalhou em Plantão Médico (E.R.).

Os dois eram amigos desde 1988, quando atuaram juntos em Miracle Mile (1988), e pouco tempo depois da estreia da peça anunciaram que haviam se casado em uma cerimônia discreta no começo de 2022.


Mare Winnigham e Anthony Edwards em Miracle Mile


Mare Winnigham e Anthony Edwards







0 comentários:

Postar um comentário

Se inscreva no nosso canal no Youtube

Postagem em destaque

A viagem de Clark Gable ao Brasil