Aos 93 Anos, James Hong Ganha Uma Estrela na Calçada da Fama


No dia 10 de maio o ator, diretor, roteirista e produtor James Hong, de 93 anos de idade, foi agraciado com uma estrela na Calçada da Fama, em Los Angeles. Com mais de 650 créditos, no cinema e televisão, Hong começou a carreira na primeira metade da década de 1950, e continua em atividade.

A honraria só possível graças ao esforço do ator e produtor Daniel Dae Kim, que iniciou uma campanha de financiamento coletivo para arrecadar os U$ 55 mil necessários para a confecção da estrela. A campanha de arrecadamentos de fundos e assinaturas atingiu a meta em 4 dias, antes mesmo de Hong ter lido o e-mail enviado pelo amigo, avisando que iniciaria uma campanha.

Daniel Dae Kim e a atriz Jammie Lee Curtis, que acabou de filmar com o ator o filme Tudo em Todo Lugar ao Mesmo Tempo (Everything Everywhere All at Once, 2022), participaram do evento.



Daniel Dae Kim, James Hong e Jammie Lee Curtis

James Hong nasceu nos Estados Unidos, em 1929, mas foi morar com os pais em Hong Kong, aos cinco anos de idade. As coisas não foram fáceis para o menino, quando ele voltou aos EUA, pois teve que reaprender a falar inglês.

Durante a Segunda Guerra Mundial, ele e sua família foram enviados para um campo de concentração norte-americano, para onde eram enviadas as pessoas de origem oriental. Durante o seu discurso de agradecimento, o ator lembrou: "Nos primeiros dias não havia oportunidades, elas eram muito poucas e os asiáticos ainda eram desprezados como uma minoria silenciosa. De certa forma, sinto que nasci muito cedo, porque não havia chances."


James Hong estreou no cinema em Dragões Com Asas (Dragonfly Squadron, 1954), e atuou em diversos clássicos, como Suplício de Uma Saudade (Love is a Many-Splendored Thing, 1955), Flor de Lotus (Flower Drum Song, 1961) e O Canhoneiro de Yang-Tsé (The Sand Pebbles, 1966), além de atuar em diversas séries de televisão.


James Hong em Jeannie é Um Gênio


As coisas começaram a melhorar em sua carreira quando Lucille Ball o contratou para trabalhar nos estúdios Desilu, onde ele teve treinamento com o diretor Joseph Sargent. Em 1965 ele e um grupo de artistas, que incluía o também veterano Mako, fundaram a East/West Player, uma prestigiada companhia teatral para artistas asiáticos, que ainda está em atividade, e formou várias gerações de atores.

Em 1962 eles haviam protestado contra a representação caricata de personagens orientais exibidas no filme Vício que Mata (Confessions of an Opium Eater, 1962), tornando-se as primeiras vozes em Hollywood a reivindicarem papéis menos humilhantes.

Mas foi somente na década de 1980 que o ator começou a ficar conhecido pelo grande público, após atuar na comédia Apetem os Cintos, O Piloto Sumiu! (Airplane!, 1980). Hong então atuou em filmes como Blade Runner: O Caçador de Androides (Blade Runner, 1982), O Rapto do Menino Dourado (The Golden Child, 1986) e foi o vilão David Lo Pan em Os Aventureiros do Bairro Proibido (Big Trouble in Little China, 1987).

Entre seus inúmeros trabalhos também está a dublagem do Mr. Jing em Kung Fu Panda (Idem, 2004), e suas sequências.


James Hong em Blade Runner: O Caçador de Androides



James Hong em O Rapto do Menino Dourado


James Hong em Os Aventureiros do Bairro Proibido


0 comentários:

Postar um comentário

Se inscreva no nosso canal no Youtube

Postagem em destaque

A viagem de Clark Gable ao Brasil