Morre o cantor e ator Bobby Rydell, aos 79 anos de idade




O cantor Bobby Rydell, que foi um astro adolescente nas décadas de 1950 e 1960 morreu no dia 05 de abril, poucos dias antes de completar 80 anos de idade (no dia 26 de abril). O cantor estava internado em um hospital da Filadélfia com pneumonia.

Entre seus hits estão as canções Wild One, Wildwood Days e uma versão de Volare.







Ele estreou no cinema como cantor no filme Because They're Young (1960), mas seu papel mais famoso foi em Adeus, Amor (Bye Bye Birdie, 1963), onde atuou ao lado de Ann-Margret




O cantor, apesar do sucesso, não fez muitos filmes, mas foi uma presença constante na televisão. Na década de 1980, se reuniu com Fabian e Frankie Avalon, outros astros de sua época, para uma série de shows de nostaligia.

Bobby Rydell só retornou ao cinema interpretando a si mesmo em uma participação especial em O Comediante (The Comedian, 2016), com Robert DeNiro.

O colégio de Grease - Nos Tempos da Brilhantina (Grease, 1978), o Rydel High School, foi nomeado em sua homenagem.





Ann-Margret e Bobby Rydell, em Adeus, Amor


Ann-Margret e Bobby Rydell


2 comentários:

  1. É UMA GRANDE PERDA PARA TODOS NÓS. ACHEI QUE FALECEU MUITO CEDO.

    ResponderExcluir
  2. R.I.P. Bobby Rydell! De toda a leva de cantores 'teens' que surgiu no programa 'American Bandstand' da Philadelphia, comandado por Dick Clark, Bobby Rydell era, sem dúvida, o melhor cantor. Depois da morte de sua mulher em 2003, caiu no vício da vodka... em 2012 teve um transplante duplo de rim & fígado.

    ResponderExcluir

Se inscreva no nosso canal no Youtube

Postagem em destaque

A viagem de Clark Gable ao Brasil