Isabella Rossellini Completa 69 anos de Idade


Filha de duas lendas do cinema, a atriz Ingrid Bergman e o cineasta Roberto Rossellini, Isabella Rossellini é modelo, atriz, escritora e ativista. Ela também tem uma irmã gêmea, Isotta Rossellini, que trabalhou brevemente nos bastidores da indústria do cinema.


Isotta Rossellini, Ingrid Bergman e Isabella Rossellini


Isabella Fiorella Elettra Giovanna Rosellini nasceu em Roma, na Itália, em 18 de junho de 1952. Isabella foi criada na Itália e França, e aos 11 anos precisou passar por um longo e doloroso tratamento de escoliose, precisando fazer 18 meses de alongamentos e cirurgias, inclusive precisando fazer um enxerto com pedaços de ossos de sua canela. O tratamento lhe deixou com algumas cicatrizes nas costas e perna.

Aos 19 anos de idade ela mudou-se para a cidade de Nova York, mas voltava constantemente para à Itália, onde trabalhava como tradutora e repórter na emissora de televisão RAI. Ela apareceu diversas vezes no programa L'altra Domenica (1976), que também tinha o ator italiano Roberto Benigni.


Isabella Rossellini como repórter


Isabella estreou no cinema no filme Questão de Tempo (A Matter of Time, 1976), último filme dirigido por Vincente Minnelli. A atriz contracenou com sua mãe, Ingrid Bergman, e sua irmã Isotta também fazia parte da produção, trabalhando como maquiadora.


Isabella Rossellini e Ingrid Bergman em Questão de Tempo 

Isabella Rossellini fez mais alguns filmes na Itália, antes de iniciar uma bem sucedida carreira de modelo. Ela começou a modelar tardiamente, aos 28 anos de idade, em 1980. Ele despontou no mundo da moda após ser fotografada por Bruce Weber para a revista Vogue britânica.




Como modelo, ela foi fotografada por grandes nomes como Richard Avedon, Steven Meisel, Helmut Newton, Peter Lindbergh, Eve Arnold, Francesco Scavullo, Annie Leibovitz, entre outros, e estampou as capas de publicações como Marie Claire, Harper's Bazzar, Vanity Vair e Elle.

Em 1979 Isabella se casou com o cineasta Martin Scorsese, que ela conheceu quando o entrevistou para a TV RAI. Com Scorsese, ela se mudou para os Estados Unidos, e ficaram juntos até o ano de 1982.


Isabella Rossellini e Martin Scorsese

Em 1982 Isabella se tornou a garota propaganda da famosa marca de cosméticos Lancôme, onde também acabou sendo responsável pela criação de uma linha de produtor. Sua filha, Elettra Rossellini Wiedemann (nascida em 1983), também foi modelo da Lancôme por um período. Em 1996, aos 43 anos de idade, Isabella Rossellini foi dispensada da empresa, por ser "muito velha".

Elettra é filha de Jonathan Wiedemann, com quem Rossellini foi casada entre 1983 e 1986.




Em 1985 ela estreou no cinema norte-americano, atuando em O Sol da Meia Noite (White Nights, 1985), um drama estrelado pelo bailarino Mikhail Baryshnikov.


Mikhail Baryshnikov e Isabella Rossellini em O Sol da Meia Noite

No ano seguinte ela fez seu filme mais famoso, o cultuado Veludo Azul (Blue Velvet, 1986). Dirigida por David Lynch, com quem namorou, ela interpretou a cantora de boate Dorothy Vallens, onde também pode demonstrar seus dotes como cantora.



Isabella atuou muito nos anos seguintes mas não repetiu o mesmo sucesso de Veludo Azul, com exceção talvez de Um Toque de Infidelidade (Cousins, 1989), de Joel Schumacher.


Ted Danson e Isabella Rossellini em Um Toque de Infidelidade

Na Itália, atuou com Marcello Mastroianni em Olhos Negro (Oci Ciornie, 1987), e nos Estados Unidos fez filmes como Chapeuzinho Vermelho (Red Riding Hood, 1987), A Marca do Passado (Tough Guys Don't Dance, 1987), Marcas de Uma Paixão (Siesta, 1987) e Zelly e Eu (Zelly and Me, 1988).

Em 1990 ela voltou a trabalhar com David Lynch em Coração Selvagem (Wild at Heart, 1990).


Isabella Rossellini em Coração Selvagem

Em 1992 ela atuou na comédia A Morte Lhe Cai Bem (Death Becomes Her, 1992), e no mesmo ano participou do controverso livro Sex, da cantora Madonna. Rossellini também apareceu no videoclipe de Erotica, sucesso da cantora lançado em 1992.


Madonna e Isabella Rossellini

Na década de 1990 ela atuou em filmes como O Inocente (The Innocent, 1993), Wyatt Earp (1994), Minha Amada Imortal (Imortal Beloved, 1994), A Grande Noite (Big Night, 1996) e Os Chefões (The Funeral, 1996). Ela ganhou um prêmio no Festival de Berlim por seu desempenho em Amor e Dor (Left Luggage, 1998), e foi indicada ao prêmio Emmy por sua participação na série Chicago Hope, em 1997.


Gary Oldman e Isabella Rossellini em Minha Amada Imortal


Cartaz de Amor e Dor


Na televisão, em 1996, também fez uma hilária participação, como ela mesmo, na bem sucedida série Friends. Ela também interpretou a deusa Athena na minissérie A Odisséia (The Odyssey, 1997). Ela também fez um episódio da série Contos da Cripta (Tales from the Crypt, 1995), onde fez um papel inspirado na personagem clássica interpretada por sua mãe em Casablanca (Idem, 1942).

Isabella Rossellini em Friends


Isabella Rossellini e John Lithgow em Contos da Cripta


Ela também atuou nas minisséries Napoleão (Napoléon, 2002), e teve um papel regular na série Alias: Codinome Perigo (Alias), entre 2004 e 2005.



Isabella Rossellini em  Alias: Codinome Perigo


No cinema, conciliou a carreira entre os Estados Unidos e à Europa, atuando em filmes como A Música Mais Triste do Mundo (The Saddest Music in the World, 2003), O Rei do Pedaço (King of the Corner, 2004), Por Conta do Destino (Heights, 2005), O Ditador (La Fiesta del Chivo, 2005) e Amantes (Two Lovers, 2008).

Ela também participou como apresentadora e narradora de diversos documentários, muitos deles feitos para canais a cabo de televisão. Em 2006 ela participou do curta-metragem My Dad is 100 Years Old, dirigido por Guy Maddin e com roteiro todo escrito pela atriz. O filme era uma homenagem ao centenário de Roberto Rossellini, e Isabella interpretou diversos papéis, incluindo Federico Fellini, Alfred Hitchcock e sua mãe Ingrid Bergman.


Isabella Rossellini como Ingrid Bergman em  My Dad is 100 Years Old


Sua irmã, Issota, de quem Isabella sempre foi muito próxima, criticou o filme, dizendo ser uma "homenagem inadequada".

Em 2007 a atriz participou de dois episódios da série 30 Rock, interpretando a ex-mulher do personagem de Alec Baldwin. Na mesma época, ela se matriculou no Hunter College em Nova York, para estudar o comportamento animal. O Sundance Channel, criado por Robert Redford, então a contratou para um ela escrever e estrelar uma web série chamada Green Porno, que fez muito sucesso no Youtube. Cada episódio abordava os rituais de reprodução dos animais. Ela também foi produtora e diretora da série.


Desde então, atuou em filmes como A Solidão dos Números Primos (La Solitudine dei Numeri Primi, 2010), O Homem Duplicado (Enemy, 2013), Joy: O Nome do Sucesso (Joy, 2015) e Um Romance nas Entrelinhas (Vita & Virginia, 2018). Também dublou algumas animações, como o longa Os Incríveis 2 (Incredibles, 2018).


Isabella Rossellini e Robert De Niro em Joy: O Nome do Sucesso


Personagem dublado por Isabella Rossellini em Os Incríveis 2


Em 2016, aos 65 anos de idade, ela voltou a ser modelo da Lancôme, a mesma empresa que havia a demitido anos atrás, por ser "velha demais".




Atualmente, ela está no elenco de 5 filmes que ainda estão sendo produzidos, e acabou de filmar Silent Life, que deve ser lançado em 2022. No filme, ela interpreta a mãe do astro italiano Rudolph Valentino.


Isabella Rossellini em Silent Life


A atriz também escreveu três livros, sendo um dele sua autobiografia. Ela também produziu um livro que integra a coleção de material multimídia da série Green Porno, mostrando os bastidores da produção.

Além disto, ela luta pela preservação de filmes clássicos, tendo inclusive restaurado alguns dos filmes de seu pai. Também é presidente de uma fundação de proteção da vida selvagem, e patrocina eventos de artes, fotografia e dança, além de financiar o treinamento de cães guia para cegos e é embaixador ada UNICEF.

Isabella Rossellini tem dois filhos, Eletra Rossellini Wiedmann e Roberto Rossellini, que ela adotou em 1993.

Isabella Rossellini e o filho

Isabella Rosselinni e a filha

Isabella Rossellini atualmente




Veja também: As Mais Belas Atrizes dos Anos 80, Antes e Depois


Veja Também: Mães e Filhas Atrizes

0 comentários:

Postar um comentário

Se inscreva no nosso canal no Youtube

Postagem em destaque

A viagem de Clark Gable ao Brasil