Relembrando a trajetória do breve Paul Walker


O astro da série Velozes & Furiosos morreu tragicamente no auge da fama, com apenas 40 anos de idade. Bonito e talentoso, Walker vinha trilhando uma bem sucedida carreira, iniciada na infância, quando ainda era ator mirim.





Paul William Walker IV nasceu em Glendale, Califórinia, em 12 de setembro de 1973. Filho de uma ex modelo e de um ex lutador de boxe, Paul Walker era o filho mais velho de cinco irmãos, e foi criado como Mórmon. Ele frequento universidades comunitárias e mais tarde formou-se em biologia marinha.

Walker começou a trabalhar como modelo com 2 anos de idade, quando fez um comercial das fraldas Pampers. Ainda bebê, ele conseguiu diversos trabalhos na publicidade.


O Jovem Paul Walker em comercial da Pampers


Aos 14 anos de idade ele estreou como ator na televisão, aparecendo em três episódios da série O Homem Que Veio do Céu (Higway to Heaven), em 1985. No ano seguinte conseguiu um papel fixo na série Throb (1985-1986), onde interpretava o jovem Jeremy Beatty.



Paul Walker em O Homem Que Veio do Céu


Em 1986 ele fez sua estreia no cinema, atuando no terror de baixo orçamento O Monstro do Armário (Monster in the Closet, 1986). Ele também atuou em Projeto Sibertron: Programada Para Morrer (Programmed to Kill, 1987), e fez algumas participações em outras séries de televisão.



Paul Walker em O Monstro do Armário


Em 1992, com 21 anos de idade ele conseguiu um papel na novela The Young and the Restless, atuando em duas temporadas, até 1993. Foi nesta novela que ele ficou conhecido do público e por seu personagem foi indicado ao prêmio Youth in Film Awards de Melhor Ator de Novelas.


Paul Walker em The Young and the Restless



Após deixar a novela atuou na comédia Tammy and T-Rex (1994) e em 1996 fez seu último trabalho na televisão, atuando na série O Toque de Um Anjo (Touched by an Angel).



Paul Walker em O Toque de Um Anjo



Em 1998 Paul Walker estrelou a comédia Os Irmãos Id & Ota (Meet the Deedles, 1998), que era uma produção menor, cujo título em português fazia referencia ao sucesso Debie e Lóide, estrelado por Jim Carrey, embora a produção original não tivesse nenhuma relação com o filme.


Paul Walker em Os Irmãos Id & Ota


O filme não teve grande repercussão, mas garantiu a Walker o convite para coadjuvar grandes produções. Ele esteve no belo Pleasantville, A Vida em Preto e Branco (Pleasantville, 1998) e foi um dos alunos populares na comédia adolescente Ela é Demais (She's All That, 1999). 

Também fez parte do elenco de Marcação Cerrada (Varsity Blues, 1999), A Viagem (Brokedown Palace, 1999) e Sociedade Secreta (The Skulls, 2000).



Paul Walker em Pleasantville, A Vida em Preto e Branco


Paul Walker e Freddie Prinze Jr. em Ela é Demais


Sua consagração veio em 2001 quando ele interpretou Brian O'Conner em Velozes & Furiosos (The Fast and the Furious, 2001), ao lado de Vin Diesel. O filme fez um enorme sucesso, e transformou Walker em um astro. 

Ele e Vin Diesel ganharam o MTV Movie Awards de melhor dupla, escolhido pelo público.




Ele também estrelou Perseguição (Joy Ride, 2001), que também retratava corridas de automóveis em alta velocidade, e que novamente fez muito sucesso com o público. Depois, reprisou o papel de Brian O'Conner em +Velozes +Furiosos (2 Fast 2 Furious, 2003). O novo deu origem a uma das  mais bem sucedidas franquias atuais do cinema.

Seus filmes seguintes não fizeram tanto sucesso. Walker atuou em Linha do Tempo (Timeline, 2003), Anjo de Vidro (Noel, 2004) e Mergulho Radical (Into the Blue, 2005) e No Rastro da Bala (Running Scared, 2006).



Penelope Cruz, Paul Walker e Susan Sarandon em Anjo de Vidro



Sob direção do lendário Clint Eastwood, Paul Walker atuou no drama de guerra A Conquista da Honra (Flags of Our Fathers, 2006) e também estrelou Resgate Abaixo de Zero (Eight Below, 2006), que foi muito bem sucedido nas bilheterias.



Paul Walker em A Conquista da Honra



Paul Walker em Resgate Abaixo de Zero


Paul Walker atuou em filmes independentes de pouca repercussão, como A Vida e a Morte de Bobby Z (The Death and Life of Bobby Z, 2007), Histórias USA: Acontece na América (Stories USA, 2007) e Entre a Vida e a Morte (The Lazarus Project, 2008).

Ele relutou muito em retornar a franquia Velozes & Furiosos, mas se rendeu após uma oferta milionária, atuando em Velozes & Furiosos 4 (Fast & Furious 4, 2009), Velozes & Furiosos 5: Operação Rio (Fast Five, 2011) e Velozes & Furiosos 6 (Furious 6, 2013).



Vin Diesel e Paul Walker no Rio de Janeiro, onde foi filmado Velozes & Furiosos 5: Operação Rio


Paul Walker ainda atuou em Ladrões (Takers, 2010) e fez muitos trabalhos em 2013, aparecendo em Veículo 19 (Vehicle 19, 2013), Contagem Regressiva (Hours, 2013) e Busca Alucinante (Paw Shop Chronicles, 2013). Além de ter atuado em 13º Distrito (Brick Mansions, 2014), que só foi lançado no ano seguinte, após a sua morte.



Paul Walker no cartaz de 13º Distrito



Em 30 de novembro de 2013 Paul Walker voltava de um evento beneficente junto seu amigo Roger Rodas, quando perderam o controle do Porshe Carreta GT 2005, que bateu contra duas árvores em alta velocidade. Os dois morreram imediatamente no local.

Paul Walker, que tinha apenas 40 anos na época, estava filmando Velozes & Furiosos 7 (Fast & Furious 7, 2015). Seus irmãos, Cody e Caleb Walker foram usados como dublês para finalizar suas cenas, bem como o ator John Brotherton, além de muitos recursos de computação gráfica.



Caleb e Cody Walker



Paul Walker morava com sua namorada, Rebecca Soteros, com quem teve uma filha chamada Meadow Rain Walker, que nasceu em 1998. O ator Vin Diesel é seu padrinho, e em agosto de 2021, levou-a ao altar durante seu casamento.



Paul Walker e a filha, e Meadow Rain Walker atualmente



Vin Diesel entregando a filha do amigo no altar, em 2021






Um comentário:

  1. Gente...como o tempo passa rápido. 8 anos sem este talentoso e esforçado ator.

    ResponderExcluir

Se inscreva no nosso canal no Youtube

Postagem em destaque

A viagem de Clark Gable ao Brasil