A comediante Cláudia Rodrigues



A carioca Cláudia de Souza Rodrigues nasceu em 07 de junho de 1970. Em 1996 ela foi vencedora da primeira edição do Prêmio Multishow do Bom Humor Brasileiro, e o concurso lhe valeu um convite para atuar no seriado infantil Caça Talentos (1996-1998), protagonizado por Angélica.


Angélica, Eduardo Galvão e Cláudia Rodrigues em Caça Talentos





Com o fim do programa, a atriz passou a integrar o elenco do humorístico Zorra Total. Ao lado de Lúcio Mauro, Cláudia interpretou a personagem Ofélia (personagem originalmente interpretado por Sônia Mamede), a esposa burra que "só abre a boca quando tem certeza". No programa também interpretou Thalía, cujo bordão dizia "Eu vou beijar... muuuuuuito!".





 Cláudia Rodrigues e Lúcio Mauro em Zorra Total


O sucesso em Zorra Total levou Cláudia a ingressar no elenco de Sai de Baixo. Em 2001 ela ingressou na 11ª temporada da Escolinha do Professor Raimundo, reprisando novamente sua personagem Thalía.


Claudia Rodrigues em Sai de Baixo


Cláudia Rodrigues na Escolinha do Professor Raimundo



Cláudia então ganhou um especial de natal, onde interpretou a diarista Marinete. O especial fez sucesso, e ela ganhou seu próprio programa de humor, A Diarista (2004-2007). O programa não foi renovado após três temporadas, e a atriz retornou ao elenco de Zorra Total.

Cláudia Rodrigues e Dira Paes em A Diarista

No cinema, Cláudia Rodrigues fez dois filmes, ambos estrelados pela apresentadora Xuxa, Xuxa Popstar (2000) e Xuxa e os Duendes 2 - No Caminho das Fadas (2002). Ela também dublou uma personagem na versão brasileira da animação Nem Que a Vaca Tussa (Home on the Range, 2004), da Disney.

Xuxa e Cláudia Rodrigues em Xuxa e os Duendes 2 - No Caminho das Fadas

Em 2000, Cláudia Rodrigues foi levada ao hospital sentido dores no braço, a atriz achava que estava sendo vítima de um enfarto. Mas na verdade, estava sentindo os primeiros sintomas da esclerose múltipla que sofria.  Somente em 2006 a atriz divulgou ser portadora desta doença neurodegenerativa. Em 2007 ela começou a ter surtos de esquecimento, passando a ter dificuldades em decorar os textos que gravava, e se afastou das telas para iniciar seu tratamento. A partir de 2013 ela precisou iniciar sessões de fisioterapia e fonoaudiologia para recuperar os movimentos de pernas e melhoras da fala.

Em 2015 ela se submeteu a um transplante de células tronco, e conseguiu uma grande melhora em seu estado, mas neste mesmo ano foi dispensada da Rede Globo de televisão. Por meio de uma decisão judicial, a emissora foi obrigada a recontratar a atriz no final de 2018. Com a saúde debilitada, ela tem passado por constantes internações e tratamentos, sendo constantemente internada.

Cláudia Rodrigues tem uma filha, Isabel (nascida em 2002), filha de seu casamento com o videomaker Brent Hieatt, com quem foi casada entre 2000 e 2004. 


Cláudia Rodrigues e a filha



Veja Também: A História de Zequinha e Quinzinho. Quinzinho também é conhecido como "O Anão dos Trapalhões"







 Leia também: Morreu a atriz Cidinha Milan

Curta nossa página no Facebook
Se inscreva no nosso canal do Youtube
Siga também nosso Instagram




0 comentários:

Postar um comentário

Se inscreva no nosso canal no Youtube

Postagem em destaque

A viagem de Clark Gable ao Brasil