Ator Eduardo Galvão morre aos 58 anos, vítima do Covid-19


Morreu hoje o ator Eduardo Galvão, aos 58 anos de idade. Eduardo estava internado na UTI do Hospital Unimed-Rio, na Barra da Tijuca, desde o dia 27 de novembro. Com Covid-19, o ator estava com dificuldades de respirar.

Eduardo ingressou na televisão na novela O Salvador da Pátria (1989), mas ficou famoso como Pascoal Papagaio na novela Despedida de Solteiro (1992).  O ator também teve destaque em A Viagem (1994) e na série infantil Caça-Talentos (1997), estrelada por Angélica.

Sua última novela foi Apocalipse (2017-2018), na Record.

No cinema, atuou em Tiradentes (1999), Minha Vida em Suas Mãos (2001), Didi, O Caçador de Tesouros (2006), Flordelis: Basta Uma Palavra Para Mudar (2009), Em Nome da Lei (2016), Turbulência (2016), Um Tio Quase Perfeito (2017), Nada a Perder (2018), Primeiros Amigos (2019) e Nada a Perder 2 (2019). O ator havia acabado de filmar Um Tio Quase Perfeito 2 (2020).



Veja Também: Os artistas que morreram vítimas do Coronavírus



0 comentários:

Postar um comentário

Se inscreva no nosso canal no Youtube

Postagem em destaque

A viagem de Clark Gable ao Brasil