Compositor francês Michel Legrand, três vezes vencedor do Oscar, morre aos 86 anos


Morreu no dia 26 de janeiro o compositor francês Michel Legrand, indicado 7 vezes ao Oscar, e vencendor de 3 prêmios da Acadêmia. Legrand é o compositor de trilhas sonoras de mais de 200 filmes, incluindo o tema de Houve Uma Vez um Verão (Summer of´42, 1971), que se tornou uma das músicas mais famosas da história do cinema.


Nascido em Paris, em 24 de fevereiro de 1932, Michel Jean Legrand era filho do compositor e ator francês Raymond Legrand. Ele comeou a estudar música em 1942, e em 1954 ganhou destaque ao lançar o álbum I Love Paris vendeu mais de 8 milhões de cópias. 

Mas foi o cinema que o tornou famoso. Ele estreou como compositor de trilhas sonoras em Le Triporteur (1957), e na década de 60 começou a ser chamado pelos cineasta das da Nouvelle Vague francesa. Fez a trilha de sete filmes para Jean-Luc Godard e dez para Jacques Demy. Durante sua carreira, também trabalhou com Dizzy Gillespie, Miles Davis, Orson Welles, Jean Cocteau, Frank Sinatra e Edith Piaf. Seu último trabalho para o cinema foi em Butterfly Love, que ainda esta em fase de finalização.

Em 1966, junto com Jacques Demy foi indicado ao primeiro Oscar, por seu trabalho em O Guarda-Chuvas do Amor (Les Parapluies de Cherbourg, 1964). Em 1969 ele foi indicado novamente, pelo trabalho em dois filmes, Duas Garotas Românticas (Les demoiselles de Rochefort, 1967) e Crown, o Magnífico (The Thomas Crown Affair, 1968), vencendo o prêmio pelo último deles.

Legrand foi indicado ainda por Tempo para Amar, Tempo para Esquecer (The Happy Ending, 1969) e  Mosáico de Sonhos (Pieces of Dreams, 1970), e venceu novamente o prêmio por Houve Uma Vez um Verão (Summer of´42, 1971). Em 1983 ele voltou a ser indicado por Amigos Muito Íntimos (Best Friends, 1982) e foi indicado a dois prêmios pelo seu trabalho em Yentl (Idem, 1983), vencendo com a canção Papa, Can You Hear Me?. 

Neils Diamond, Marilyn Bergman, Michel Legrand e Alan Bergman, no Oscar de 1983

Ele também compôs as músicas de filmes como Uma Mulher é Uma Mulher (Une Femme est un Femme, 1961), A Piscina (La Piscine, 1969), As 24 Horas de Le Mans (Le Mans, 1971), 007 - Nunca Mais Outra Vez (Never Say Never Again, 1983).

Michel Legrand chegou a atuar em 8 filmes, incluindo Son dernier Noël (1957), Cléo das 5 às 7 (Cléo de 5 à 7, 1962), O Guarda-Chuvas do Amor (Les Parapluies de Cherbourg, 1964) e Aquele Apartamento (A Time for Loving, 1972). Em 1989 ele dirigiu o filme Cinq jours en juin (1989), estrelado por Annie Girardout.

 Michel Legrand e Corrine Marchand, em Cléo das 5 às 7 (Cléo de 5 à 7, 1962)

 O compositor era casado com a atriz Macha Méril, e tinha shows marcados para Paris em abril, morreu durante a noite. A causa da morte não foi revelada. 

 Michel Legrand, Kerry Bishé e Jerry Lewis, no Festival de Cannes, em 2013


Curta nossa página no Facebook 
Se inscreva no nosso canal do Youtube

0 comentários:

Enviar um comentário

Se inscreva no nosso canal no Youtube

Postagem em destaque

A viagem de Clark Gable ao Brasil