Don Lusk, lendário animador da Disney, morre aos 105 anos


Morreu no dia 30 de dezembro, aos 105 anos de idade, o animador da Disney Don Lusk.

Don Lusk nasceu em Los Angeles, em 28 de outubro de 1913. E foi contratado como desenhista e animador pelo próprio Walt Disney em 1933. Ele trabalhou em alguns dos maiores clássicos do estúdio, como Branca de Neve e os Sete Anões (Snow White and the Seven Dwarfs, 1937), Pinóquio (Pinocchio, 1940), Fantasia (Idem, 1941), Bambi (Idem, 1942), Você Já Foi à Bahia? (Salludo Amigos, 1944), A Canção do Sul (south of the South, 1946), Cinderela (Cinderella, 1950), Alice no País das Maravílhas (Alice in Wonderland, 1952), Peter Pan (Idem, 1953), A Dama e o Vagabundo (Lady and the Tramp, 1955), A Bela Adormecida (Sleeping Beauty, 1959) e Cento e Um Dálmatas (One Hundred and One Dalmatians, 1961).

Don Lusk usando um espelho para reproduzir as expressões faciais do peixe Cléo, de Pinóquio

Após a morte de Disney ele deixou o estúdio, mas continuou trabalhando. Na Hanna Barbera desenhou e dirigiu diversas animações dos Fintstones, e Zé Colmeia. Também foi diretor de animação do Snoopy, Scooby Doo, Os Jetson, Tom e Jerry, Smurfs, Cavalo de Fogo, Capitão Planeta e diversos outros desenhos que encantaram gerações. Em 1989, aos 76 anos de idade, ele retornou a Disney, para trabalhar no longa metragem A Pequena Sereia (The Little Mermaid, 1989). Don Lusk trabalhou até o anos de 2001.

 Don Lusk aos 104 anos de idade

Alguns dos trabalhos de Don Lusk
  

Curta nossa página no Facebook
Se inscreva no nosso canal do Youtube

0 comentários:

Enviar um comentário

Se inscreva no nosso canal no Youtube

Postagem em destaque

A viagem de Clark Gable ao Brasil