Morre o ator e cantor Hilton Prado, pai de Giovanna Antonelli

Hilton Prado e Mária Cláudia, em fotonovela

Morreu no dia 11 de janeiro o cantor, ator, modelo, apresentador e garoto propaganda Hilton Prado, aos 85 anos de idade. O artista era pai da atriz Giovanna Antonelli e lutava há algum tempo contra um câncer.


Ailto Comino Antonelli nasceu em São Paulo, em 19 de abril de 1935. Começou a cantar em 1955, e foi descoberto pelo empresário Jordão de Magalhães, que o levou para cantar na Boate Cave, em 1957. Foi Jordão quem criou seu nome artístico.

Cantando na noite, estourou em 1959, quando gravou seu primeiro disco, pela Continental, e também foi contratado pela TV Record, como cantor e apresentador. No ano anterior, já havia sido atração no programa Follias Phillips, na TV Tupi.


O cantor galã fez de tudo na televisão. Além de cantar, foi garoto propaganda ao vivo, apresentador, ator. Também trabalhou como modelo, e fez até fotonovelas.

Em 1960 tornou-se crooner da orquestra de Silvio Mazzuca, onde permaneceu por três anos animando os bailes da noite paulistana.


O comediante Gasolina e Hilton Prado, na TV Record

Em 1962 Hilton fez parte do elenco do musical Tio Samba, o primeiro grande musical estilo Broadway, feito no Brasil. Depois ainda esteve no musical Arco Íris (1965), antes de ingressar na famosa versão de Alô Dolly! (1966), estrelada por Bibi Ferreira

Hilton Prado atuaria em diversos espetáculos musicais importantes do Brasil, como Independência Ou Morte (1972) e Evita (1985), onde interpretou Juan Domingos Perón.

Silvio César, Vilma Vernon e Hilton Prado, em Arco Íris

Alô Dolly!

Hilton Prado, Bibi Ferreira, Diana Nóbrega, Francisco Serrano em Alô Dolly!

Hilton Prado e Carlos Augusto Strazzer em Evita


Na década de 1960 passou pela TV Excelsior, onde participou de diversos shows da emissora, como Espetáculos Tonelux, Viva o Vovô Deville, A Cidade Se Diverte, My Fair Show, Times Square, A Volta ao Mundo em 80 Shows, A Grande Revista, e outros.

Hilton Prado em fotonovela, em 1965

No cinema, fez apenas dois filmes, A Difícil Vida Fácil (1972) e A Rainha Diaba (1974). Hilton Prado também atuou e fez participações em diversas novelas, são elas: Pigmaleão 70 (1970), Jerônimo, O Herói do Sertão (1972), Corpo Santo (1987), Brega e Chique (1987). Também participou da minissérie A E I O Urca (1990).


Afastado da grande mídia, se formou em contabilidade e canto lírico. Participou de diversas óperas nos anos seguintes, e deu aulas de canto até pouco tempo. Foi casado com a bailarina Suelly Rodrigues, com quem teve dois filhos Leonardo Pietro e a também atriz Giovanna Antonelli.

Hilton Prado era irmão do ator, modelo e empresário Renê Alfredo Antonelli.












2 comentários:

  1. Amei essa reportagem!! Ñ conhecia o pai da Geovane. Adorei saber dessa história!.

    ResponderExcluir
  2. Obrigado pela reportagem.
    Meus pêsames para a família.

    ResponderExcluir

Se inscreva no nosso canal no Youtube

Postagem em destaque

A viagem de Clark Gable ao Brasil