Katharine Ross completa 80 anos



A atriz Katharine Ross sempre será lembrada por suas atuações nos clássicos A Primeira Noite de Um Homem (The Graduate, 1967) e Butch Cassidy (Butch Cassidy and the Sundance Kid, 1969).


Katherine Juliet Ross nasceu em Hollywood, Califórnia, em 29 de janeiro de 1940. No final da década de 50, ainda no secundário, ela começou a atuar em produções amadoras. Após tomar gosto pelo teatro, abandonou o curso e mudou-se para San Francisco, para estudar atuação.

Ela começou a trabalhar profissionalmente no teatro, e chegou a ser contratada pela MGM, que nunca aproveitou a atriz.

Em 1957 ela estreou na televisão, atuando como convidada em diversos programas. Ela chegou a fazer teste para Maria em Amor, Sublime Amor (West Side Story, 1961), mas perdeu o papel para Natalie Wood.

Emprestada para a Universal, ela estreou no cinema em Shenandoah (1965), onde interpretou a nora de James Stewart.

Katharine Ross em Shenandoah

Ainda na MGM, atuou em Dominique (The Singing Nun, 1966), estrelado por Debbie Reynolds, e em A Mulher Sem Rosto (Mister Buddwing, 1966).

De volta a Universal, agora contratada, teve seu primeiro papel de protagonista em Sob o Fogo da Metralha (The Longest Hundred Miles, 1967). Também teve um papel importante em O Terceiro Tiro (Games, 1967), feito no mesmo estúdio, que passou a chamá-la de "A Samantha Eggar americana".

Mas o estrelato veio com a personagem Elaine Robinson em  A Primeira Noite de Um Homem (The Graduate, 1967). Originalmente o papel havia sido oferecido a Candice Bergen, mas o diretor Mike Nichols não gostou de seu teste. Sally Field, Ann-Margret, Jane Fonda, Tuesday Weld, Carroll Baker, Sue Lyon, Lee Reemick, Suzanne Pleshette, Caroly Lynley. Yvette Mimieux, Halley Mills e Julie Christie também foram recusadas.

Enfim, a MGM (que a dispensara pouco tempo antes) teve que pedir Ross emprestada a Universal. A atriz destacou-se como a namorada de Dustin Hoffman e filha da sedutora Anne Bancroft, e foi indicada ao Oscar de Melhor Atriz Coadjuvante pelo papel.

Ela também recebeu um Globo de Ouro de atriz revelação naquele ano.

Katharine Ross e Dustin Hoffman

Seu filme seguinte foi Heróis do Inferno (Hellfighters, 1968), onde contracenou com o lendário John Wayne. E ao lado de Paul Newman e Robert Redford estrelou Butch Cassidy (Butch Cassidy and the Sundance Kid, 1969). Ao lado de Redford, também atuou em Willie Boy (Tell Them Willie Boy is Here, 1969).


Katharine havia renovado seu contrato com a Universal em 1968, devendo permanecer no estúdio pelos próximos oito anos. Porém, ela foi demitida em 1969, após recusar atuar em Bullitt (Idem, 1968) e Aeroporto (Airport, 1970). Ambos os papéis foram para Jacqueline Bisset.

Na época da demissão, Ross estava filmando O Destino Que Deus Me Deu (Play It As It Lays, 1972), mas Tuesday Weld acabou sendo a nova protagonista.

Fora da Universal, retornou ao cinema ao lado de Jason Robards em A Mulher Que Desejei (Fools, 1970).


Em 1969 ela casou-se com Conrard Hall, e passou a atuar com menos frequência no cinema, dando preferência para o teatro. Ela recusou papéis importantes, como em Inferno na Torre (The Towering Inferno, 1974). Mas apareceu em obras como Eles Só Matam Seus Senhores (They Only Kill Their Masters, 1972), As Esposas de Stepford (The Stepford Wives, 1975), Os Desalmados (The Betsy, 1978) e O Enxame (The Swarm, 1978). E ganhou um Globo de Ouro por seu trabalho em A Viagem dos Condenados (Voyage of the Damned, 1976).

Katharine Ross em  A Viagem dos Condenados

Na década de 80 estrelou diversos filmes feitos para a televisão, e esteve na série The Colbys (1985-1987), uma série derivada de Dinastia (Dynasty), onde interpretava a esposa de Charlton Heston. Também fez papéis de apoio em filmes como O Nimitz Volta ao Inferno (The Final Countdown, 1980) e O Homem Com a Lente Mortal (Wrong is Right, 1982).

Stephanie Beacham, Charlton Heston e Katharine Ross em The Colbys

Em 1984 ela se casou novamente, com o ator Sam Elliott, que havia conhecido nas filmagens de  Butch Cassidy (Butch Cassidy and the Sundance Kid, 1969), mas o casal só começou a se envolver romanticamente quando se reencontraram nas filmagens de Convite à Morte (The Legacy, 1978). Juntos também estrelaram diversos telefilmes.

Sam Elliott é pai de sua única filha.

Katharine Ross e Sam Elliott

Em 1991 eles também estrelaram O Aventureiro do Oeste (Conagher, 1991), cujo roteiro foi escrito pela atriz, que praticamente não atuou na década de 90, ficando semi-aposentada.

Após um longo período afastada, retornou no cult Donnie Darko (Idem, 2001), onde interpretou uma terapeuta.

Katharine Ross em Donnie Darko

Desde então, tem trabalhado mais como escritora, tendo publicado vários livros infantis. Atuando esporadicamente, esteve em The Hero (2017), novamente ao lado do marido, e em 2019 atuou em Attachments (2019).


Em 2019 Sam Elliott recebeu sua primeira indicação ao Oscar, por seu trabalho em Nasce Uma Estrela (A Star is Born, 2018). Aos 74 anos de idade, ele compareceu na premiação ao lado da esposa Katharine Ross.

Sam Elliott e Katharine Ross, no Oscar de 2019

Leia também:  Relembrando Lee Remick

0 comentários:

Publicar um comentário

Se inscreva no nosso canal no Youtube

Postagem em destaque

A viagem de Clark Gable ao Brasil