Johnny Halliday, o 'Elvis Presley francês'



O cantor e ator francês Johnny Halliday foi apelidado pela imprensa como "O Elvis Presley Francês", devido a sua enorme popularidade. Ao longo de sua carreira, o pioneiro do rock francês vendeu mais de 110 milhões de discos, sendo um dos artistas mais vendidos do mundo.


Jean-Phillippe Smetm, nascido em Paris, em 15 de junho de 1943. Embora seja um dos cantores mais populares da França. Mas Johnny Halliday não é muito conhecido fora do mundo francófono, o que lhe valeu o apelido (em países de língua inglesa) de "a maior estrela do rock que você nunca ouviu falar"

Por muitos anos ele foi casado com a atriz Sylvie Vartan, que valeu ao casal o apelido de "Golden Couple" (o ‘"Casal de Ouro’’). No final da década de 1950, o aspirante a cantor conheceu a cantora Édith Piaf e tornou-se um amigo pessoal dela. Johnny participou de todos os shows de Piaf à partir de então, até a morte da cantora em 1963. Ela foi a grande responsável por impulsionar sua carreira.

Influenciado por Elvis Presley, a quem mais tarde ele seria comparado, Halliday ficou famoso na década de 1960 ao tornar-se um dos primeiros cantores de rock 'n' roll em francês.

Seu primeiro disco foi lançado em 1960 e em 1961 o single de "Let's Twist Again" vendeu mais de um milhão de cópias, recebendo o Disco de Ouro.

Johnny Halliday canta "Let's Twist Again"



Logo ele estava no topo de todas as paradas europeias. Seu show no Moulin Rouge foi exibido nos Estados Unidos no famoso The Ed Sullivan Show. Em seu primeiro show internacional, o cantor Jimmy Hendrix abriu a apresentação de Halliday na França, em 1966. Nesta época o cantor chegou a superar o rei do rock Elvis Presley em vendas.


Mick Jagger, Johnny Halliday e Sylvie Vartan


No cinema Johnny Halliday atuou em mais de 30 filmes. Sua estréia foi aos 12 anos de idade, como um dos alunos do colégio do clássico As Diabólicas (Les Diaboliques, 1955), com Simone Signoret e a brasileira Véra Cluzout.




Mas ele só retornaria às telas, já consagrado como cantor, em As Parisienses (Les Parisiennes, 1962), ao lado de Catherine Deneuve. Em Donde vens tu, Johnny? (D'où viens-tu... Johnny?, 1963) atuou ao lado da atriz e cantora Sylvie Vartan, com quem se casaria em 1965.


No filme, que ele estrelou, o cantor interpretava a si mesmo, papel que repetiu nos filmes À Procura de um Ídolo (Cherchez l'idole, 1964), Les Poneyttes( 1967) e A Aventura é uma Aventura (L'Aventure, C'est L'Aventure, 1972).


Catherine Deneuve e Johnny Halliday em As Parisienses


Johnny Halliday em Les poneyttes

Jean Paul Belmondo, Raquel Welch e Johnny Hallyday
no filme O Belo Animal (L'animal, 1974)


Ele nunca deixou de cantar, nem de fazer filmes. Em 2000 ,fez um show na Torre Eiffel que atraiu mais de 500 mil pessoas e foi assistido por 9,5 milhões de pessoas na TV francesa. Em 2007, após anos de carreira, fez sua última turnê, anunciando sua aposentadoria dos palcos. Porém continuou atuando.
Em A Pantera Cor de Rosa 2 (The Pink Panther 2, 2009), fez seu primeiro e único filme norte-americano. No ano seguinte, estrelou Vingança (Fuk Sau, 2009), um filme de suspense feito em Hong Kong. Seus últimos trabalhos no cinema foram nas comédias Rock'n Roll: Por Trás da Fama (Rock'n Roll, 2017) e em Chacun sa vie (2017), de Claude Lelouch.
Johnny Halliday e Jeremy Irons em A Pantera Cor de Rosa 2
Em 2009, o cantor foi diagnosticado com câncer de cólon. Halliday teve complicações durante a cirurgia, permanecendo em coma induzido para aliviar a dor. Apesar de superar a doença na época, o câncer retornou após alguns anos.

Johnny Halliday faleceu em 05 de dezembro de 2017, aos  74 anos de idade.

        



Curta nossa página no Facebook
Se inscreva no nosso canal do Youtube

0 comentários:

Enviar um comentário

Se inscreva no nosso canal no Youtube

Postagem em destaque

A viagem de Clark Gable ao Brasil