Morre o ator e dublador Leonardo José, aos 78 anos de idade



O ator e dublador Leonardo José morreu no dia 18 de novembro, aos 78 anos de idade. O ator faleceu em sua casa, vítima de câncer de pulmão, conforme informou a sua esposa.

Leonardo José Lachtermacher nasceu em 27 de fevereiro de 1943, na cidade de Niterói, no Rio de Janeiro. Com uma sólida carreira no teatro, cinema e televisão, ele também era um destacado dublador, tempo emprestado sua voz para a versão brasileira de personagens como o Thanos da saga Os Vingadores, O Professor Xavier nos filmes de X-Men, e o Juiz Claude Frollo em O Corcunda de Notre Dame, da Disney.



Após deixar o exército, Leonardo José conseguiu um emprego no departamento de jornalismo da TV Rio, em 1963, e mais tarde tornou-se jornalista na mesma editora. Ele começou a atuar em 1969, e ingressou na dublagem em 1972, nos Estúdios Herbert Richers.

Como dublador, trabalhou na CineCastro, Tevelox, Tecnisom, Peri Filmes, Croma, Telecine, VTI, Sincrovídeo, entre outros. Na década de 1990 fundou a Wan Marcher, mas vendeu sua parte da sociedade em 2010 e o estúdio passou a se chamar Wan Marc.

Em 1982 atuou na novela Final Feliz (1982), e participou de diversas novelas, como Louco Amor (1983), Dona Beija (1986), O Outro (1987), Carmen (1987), Olho Por Olho (1988), Kananga do Japão (1989), A Próxima Vítima (1995), e Rock Story (2016), entre outras. O ator constantemente fazia participações especiais em algumas novelas, fazendo juízes, médicos ou promotores em alguns capítulos, e teve um papel de destaque na novela A Viagem (1994).

Seu último trabalho na televisão foi na série Eu, a Vó e a Boi (2019).


Leonardo José em A Viagem


No cinema, atuou em Fêmeas em Fuga (1984), Manhattan (1990), Um Céu de Estrelas (1996) e O Barato é Ser Careta (2000).






0 comentários:

Postar um comentário

Se inscreva no nosso canal no Youtube

Postagem em destaque

A viagem de Clark Gable ao Brasil