O conturbado ator Jack Cassidy, pai de David cassidy


Ator, cantor, escritor e principalmente showman, Jack Cassidy é pouco conhecido no Brasil, mas foi um ator extremamente popular nos Estados Unidos, principalmente por sua constante presença na televisão. Dos 75 créditos atribuídos ao ator pelo site IMDB (Internet Movie Database), 70 deles foram feitos para a TV. Na década de 1970 era uma piada recorrente dizer que ao ligar a televisão, algum canal sempre estaria apresentando um trabalho de Cassidy.

Por aqui, seus filhos David Cassidy (da série A Família Dó Ré Mi) e o cantor Shaun Cassidy, ambos astros adolescentes da década de 1970, são muito mais famosos.

Jack Cassidy

Shaun e David Cassidy


John Joseph Edward Cassidy nasceu em 06 de março de 1927, em Richmond Hill, Nova York. Filho de imigrantes de origem humilde, Jack Cassidy teve diversos empregos antes de completar 16 anos de idade. Ele foi mensageiro de hotel, lavador de louças, vendedor, garçom, entregador de gelo e de carvão e assistente de contador, antes de ingressar na carreira artística.

Jack Cassidy teve aulas de canto no colégio, e seu tio, o ator e artista de vaudeville Ben Dova (mais conhecido por ter sobrevivido a tragédia do Hindenburg), viu o sobrinho cantando, e conseguiu para ele um papel no coro de uma peça da Broadway, Something For The Boys (1943), de Cole Porter.

O ator trabalhou muito no teatro, e em 1953 conquistou nos palcos o seu primeiro papel de protagonista. Jack Cassidy foi um dos artistas que mais recebeu indicações ao prêmio Tony, dedicado a produções da Broadway.


Com uma bela voz de barítono, fez suas primeiras aparições na televisão como cantor. Mas ao final da década de 1950 começou a participar de séries e programas de televisão, como ator.

Jack Cassidy cantando


Em 1948 o ator casou-se com a dançarina e coreógrafa Evelyn Ward, mãe de seu primeiro filho, o futuro astro juvenil David Cassidy. Eles se separaram em 1956 e meses depois Cassidy se casou com a atriz Shirley Jones, com quem teve três filhos: Shaun Cassidy, Ryan Cassidy e Patrick Cassidy.

Shirley Jones e o enteado, David Cassidy atuariam juntos na série  A Família Dó-Ré-Mi (Partridge Family, 1970-1974).

Na televisão, atuou como convidado em séries como Gunsmoke, Bonanza, Caravana (Wagon Train), Maverick, 77 Sunset Strip, The Lucy Show, Agente 86 (Get Smart), Jeannie é Um Gênio (I Dream with Jeannie), A Feiticeira (Bewitcheed), Que Garota (That Girl!) e muitas outras. Jack Cassidy foi um dos poucos atores a interpretar um assassino na série Columbo por mais de uma ocasião (em três episódios diferentes).

Entre 1967 e 1968 fez seu único papel fixo em uma série de televisão, como protagonista da série He & She, que lhe valeu duas indicações ao prêmio Emmy. E também dublou um personagem no desenho animado Mr. Magoo.

Jack Cassidy em A Feiticeira

Jack Cassidy em Columbo

Jack fez pouco cinema, estreando em Paixões Ocultas (Look in Any Window, 1961), um filme estrelado pelo cantor Paul Anka. Mas só retornaria ao cinema na comédia Uma Noiva Para Charlie (The Cockeyed Cowboys of Calico Country, 1970). No ano seguinte, contracenou com os veteranos Bette Davis e Ernest Borgnine em Bunny O'Hare (1971).

Ernest Borgnine, Bette Davis e Jack Cassidy

Sob direção de Clint Eastwood, atuou em Escalado Para Morrer (The Eiger Sanction, 1975) e no ano seguinte demonstrou todo seu talento artístico ao interpretar o astro do cinema John Barrymore em Frenesi de Glória (W.C. Fields and Me, 1976).


Jack Cassidy foi aclamado pela crítica ao interpretar o antigo astro, decadente e alcoólatra. E demonstrou que era um artista talentoso e versátil, e não simplesmente uma figura caricata da televisão.

Cassidy acreditava que a repercussão do filme finalmente lhe traria sua grande oportunidade de interpretar papéis dramáticos e sólidos, que provariam seu talento artístico. Embora respeitado na indústria do entretenimento, Jack Cassidy era visto como um personagem superficial, caricato e superficial. O bufão jornalista Ted Baxter da série The Mary Tyler Moore Show (1970-1977) foi criado inspirado em sua personalidade, e o papel chegou a ser oferecido para ele, que se ofendeu com a oferta.

Ted Knight acabou assumindo o personagem, e em 1971 Jack Cassidy se rendeu a série e aceitou fazer uma participação como o irmão do jornalista.

Sua vida pessoal também não andava bem na época. Jack Cassidy era bipolar, uma doença pouco conhecida na época, e os sintomas eram encarados como "uma excentricidade do Jack". Em 1974 ele chegou a ser internado em uma clínica psiquiátrica.

Era comum os seus vizinhos relatarem que encontravam o ator fazendo atividades básicas, como regar o jardim, completamente nu. Shirley Jones também também relatou em sua biografia que chegou em casa em certa ocasião e encontrou o ator despido, dizendo que a estava esperando para passar o texto de uma peça que nunca existiu. Shirley também escreveu que certa vez o ator disse a ela que era "Cristo".

Sem saber lidar com a doença do marido, Shirley Jones pediu o divórcio em maio de 1975.

Shirley Jones e Jack Cassidy

David Cassidy, Shirley Jones e Jack Cassidy

Além do transtorno bipolar, o ator era alcóolatra, e cada vez mais desenvolvia um comportamento errático. Separado, o ator mudou-se para uma cobertura em Los Angeles.

Em 11 de dezembro de 1976 o ator ligou para a ex esposa Shirley Jones convidando-a para tomar um drink, mas a atriz recusou. Ele então convidou a cantora Donna Theodore para beber, mas ela também recusou o convite porque dias antes Jack Cassidy teve um surto em uma boate onde eles estavam (o ator teria começado a correr desorientado no local). Por fim, o ator foi visto naquela noite bebendo em diversos bares da cidade, em alguns sozinhos, e em outros em companhia da atriz Nanette Fabray.

Após a bebedeira, o ator voltou para a casa e deitou-se no sofá. Jack Cassidy acendeu um cigarro e adormeceu, botando fogo no revestimento vinílico do estofamento. Logo o fogo consumiu seu apartamento.

Os bombeiros encontraram um corpo totalmente carbonizado no chão, como se tentasse rastejar. Como o carro do ator não estava na garagem, e ele tinha uma viagem marcada na manhã daquele dia, 12 de dezembro, a polícia chegou a acreditar que o corpo podia ser de outra pessoa, mas os exames dentários e um anel de ouro com o brasão da família do ator confirmaram ser ele a vítima.

Apartamento de Jack Cassidy



O carro foi encontrado dois dias depois. Jack Cassidy morreu aos 49 anos de idade, e um ano após a sua morte chegou aos cinemas o filme F.B.I Arquivo Secreto (The Private Files of J. Edgar Hoover, 1977), seu último trabalho como ator.

Em sua biografia David Cassidy afirmou que o pai era bissexual, informação confirmada por Shirley Jones, que afirmou que Jack chegou a revelar que teve um relacionamento com Cole Porter, quando tinha 16 anos de idade.

Clint Eastwood e Jack Cassidy em Escalado Para Morrer 

Malcolm McDowell interpretou Jack Cassidy no filme A História de David Cassidy (The David Cassidy Story, 2000).

Veja também: Mães e Filhas Atrizes

Curta nossa página no Facebook
Se inscreva no nosso canal do Youtube
Siga também nosso Instagram

0 comentários:

Postar um comentário

Se inscreva no nosso canal no Youtube

Postagem em destaque

A viagem de Clark Gable ao Brasil