Michael J. Pollard, de Bonnie & Clyde: Uma Rajada de Balas, morre aos 80 anos


O ator norte-americano Michael J. Pollard, que interpretou o ladrão de bancos C.W. Moss no clássico Bonnie & Clyde: Uma Rajada de Balas (Bonnie and Clyde, 1967), faleceu no dia 21 de novembro, aos 80 anos de idade.

Michael J. Pollard, Faye Dunaway, Warren Beatty, Estelle Parsons e Gene Hackmann

Michael John Pollack Jr. nasceu em Nova Jersey, em 30 de maio de 1939. Pollard estudou no lendário Actors Studio, em Nova York, e começou a atuar na televisão em 1958. Seu primeiro papel no cinema, não creditado, foi em A Viuvinha Indomável (It Happened to Jane, 1959), estrelado por Doris Day.

No mesmo ano, apareceu em cinco episódios da série The Many Loves of Dobie Gillis, estrelada por Tuesday Weld. Na série, contracenou com o jovem Warren Beatty, que anos mais tarde seria o protagonista de Bonnie & Clyde. Ainda em 1959, atuou na primeira montagem de Bye Bye Bird, na Broadway.

Michael J. Pollard em Bye Bye Bird

Devido a sua baixa estatura, desempenhou diversos papéis juvenis até depois dos 30 anos. Em 1966, aos 27 anos de idade, interpretou um adolescente de 14 anos, na série Jornada nas Estrelas (Star Trek). Ele também interpretou um personagem adolescente na série Perdidos no Espaço (Lost in Space), no mesmo ano.

Michael J. Pollard em Jornada nas Estrelas

Apesar de já ter feitos muitos trabalhos no cinema e na televisão, foi em Bonnie & Clyde: Uma Rajada de Balas (Bonnie and Clyde, 1967) que o ator ganhou destaque. Por seu desempenho, foi indicado ao Oscar de Melhor Ator Coadjuvante, e ao Globo de Ouro, na mesma categoria. Sendo também indicado como ator revelação, na mesma premiação.

Em 1972 estrelou O Pequeno Billy (Dirty Little Billy, 1972), interpretando o jovem Billy the Kid. Neste filme, dirigido por Stan Dragotti, Pollard fez seu único protagonista. 

Lee Purcell e Michael J. Pollard em O Pequeno Billy

Com mais de 100 créditos na carreira, atuou em filmes como As Petroleiras (Les Pétroleuses, 1971), Melvin e Howard (Melvin and Howard, 1980), Roxanne (Idem, 1987), Os Fantasmas Contra Atacam (Scrooged, 1988), Tango e Cash: Os Vingadores (Tango & Cash., 1989), Dick Tracy (Idem, 1990) e Eternamente Lulu (Forever Lulu, 2000).

Em Dick Tracy, reencontrou os colegas Warren Beatty e Estelle Parsons, com quem contracenou em Bonnie & Clyde.


Ainda atuando, deixou dois filmes gravados, que devem ser lançados somente no ano que vem. O ator faleceu um dia após o aniversário de sua colega Estelle Parsons, que completou 92 anos no dia 20 de novembro.


Leia também:  A selvagem Tuesday Weld

Curta nossa página no Facebook
Se inscreva no nosso canal do Youtube

0 comentários:

Enviar um comentário

Se inscreva no nosso canal no Youtube

Postagem em destaque

A viagem de Clark Gable ao Brasil