Por onde anda? Danny Bonaduce, de A Família Dó-Ré-Mi


Danny Bonaduce tinha pouco mais de dez anos de idade quando ficou famoso ao interpretar Danny Patridge no seriado A Família Dó-Ré-Mi (The Partridge Family, 1970-1974). Ele era o baixista da banda familiar, liderada por Shirley, a mãe das talentosas crianças.



Dante Daniel Bonaduce nasceu em 13 de agosto de 1959, na Pensilvânia, Filadélfia. Filho do veterano produtor e roteirista de televisão Joseph Bonaduce.

Em 1967 ele começou a trabalhar como ator, aparecendo em diversos episódios de séries de TV. Em 1969 chamou a atenção ao participar de um episódio da série A Feiticeira (Bewitched).

Danny Bonaduce em A Feiticeira

Ele foi convidado para fazer um teste para o elenco de A Família Dó-Ré-Mi, mas inicialmente foi descartado para o papel, sendo chamado posteriormente pelos produtores que antes o rejeitaram.

A série se tornou um sucesso mundial, e projetou as crianças "Partridge" para o estrelato. 


A família Patridge fez tanto sucesso, que começou a "aparecer" em diversos veículos, sendo convidados em desenhos animados como Os Flintstones e Goober e os Caçadores de Fantasmas (Goober and the Ghost Chasers).

Em 1974, eles ganharam a sua própria animação, o desenho futurista Partridge Family 2200 AD(1974-1975), produzidos pela Hanna Barbera. Muito parecido com Os Jetson, o desenho foi exibido no Brasil com o nome de Família Dó-Ré-Mi.


Em 1973, Danny lançou-se como cantor solo, assim como havia feito o ator David Cassidy, que interpretava seu irmão na série. Mas ele não repetiu o mesmo sucesso de Danny, que se tornou um astro, um dos favoritos das adolescentes da época.


Durante as gravações do seriado, Shirley Jones, que interpretava sua mãe, presenciou diversos tipos de abusos que o menino sofria por parte do pai. Danny era constantemente espancado por Joseph Bonaduce. Para protegê-lo, Shirley convidada constantemente o menino para ficar em sua casa, alegando morar mais perto do estúdio, o que facilitaria seu trabalho. Danny dormiu na casa da atriz por diversas ocasiões, chegando a ficar semanas com ela.

Shirley era madrasta de David Cassidy, e os meninos ficaram amigos, uma amizade que durou por toda a vida. Quanto a Shirley, seu carinho por ela era tanto que a considerava sua segunda mãe.

Danny Bonaduce e Shirley Jones

Quando a série foi cancelada, ele não repetiu o sucesso de outrora. Enquanto estava no elenco, ele fez poucos trabalhos devido a agenda apertada, tendo destacado-se dublado o personagem Avery Arable na animação A Menina e o Porquinho (Charlottes Webb, 1973).


Danny estava com 14 anos, e além de ter ficado muito marcado com o personagem, já não tinha a mesma graça de quando era criança. 

Ele fez algumas aparições em séries de TV como Shazam! (Idem) e atou no filme Assassinato no Voo 502 (Murder on Flight 502, 1975), um filme catástrofe de baixo orçamento estrelado por Farrah Fawcet.

Mas os papéis ficaram cada vez mais escassos. Com Mark Hamill ele atuou em Um Carro, Um Rapaz, Uma Garota (Corvette Summer, 1978). 

Em Um Carro, Um Rapaz, Uma Garota

Depois, fez um pequeno papel em Hoje e Ontem Tudo Sexo (H.O.T.S., 1979), uma comédia estudantil de conotação sexual.

Com Mary Steelsmith em Hoje e Ontem Tudo Sexo

Bonaduce ainda fez algumas participações no seriado CHIPS, onde pode demonstrar suas técnicas de artes marciais, aprendidas com Chuck Norris, de quem foi aluno por mais de 20 anos.

No final da adolescência teve problemas com álcool e drogas. Praticamente sem trabalho, o ator chegou a morar na rua. Sabendo que ele passava por dificuldades, Shirley Jones novamente o acolheu em sua casa. Em sua autobiografia, o ator declarou que entre 1974 e 1988, teve apenas vinte semanas de trabalho como ator contratado.

No final da década de 80 começou a apresentar programas de rádio.

Em 1986 retornou o papel de Danny Partridge no telefilme Johnny B. on TV (1986), onde debochava si mesmo, fato que seria uma constante em sua carreira. Ele repetiria o feito em séries de TV como Sabrina, a Aprendiz de Feiticeira (Sabrina, the Teenage Witch) e Monk (Idem). Em Monk, novamente interpretou o filho de Shirley Jones.

Em Sabrina, Aprendiz de Feiticeira

Interpretou ele mesmo no filme Dickie Roberts, o Pestinha Cresceu (Dickie Roberts: Former Child Star, 2003). Neste filme, David Spade interpreta um ex ator mirim com problemas na vida adulta, e vários antigos astros mirins, como Jay North (O Dennis, o Pimentinha) e Butch Patrick (o Eddie Monstro, da série Os Monstros) fazem uma participação especial.

Dustin Diamond, Corey Feldman, Danny Bonaduce, Barry Williams e Leif Garret (todos antigos astros mirins) jogam cartas com Dickie Roberts, personagem de David Spade

Em 2005 fez uma participação especial em The New Partridge Family (2005), que seria um piloto do remake da série, que nção foi pra frente. O material gravado foi lançado como um telefilme, que marcou a estréia da atriz Emma Stone nas telas, no papel de Laurie Partridge, interpretado inicialmente pela atriz Susan Dey.

Ema Stone em he New Partridge Family

Nesta época, começaram a surgir tentativas de reunir o elenco do seriado clássico, mas elas nunca foram para frente, principalmente devido a briga de Susan Day com David Cassidy. As negociações para o tal reencontro foram encerradas quando a atriz Suzanne Crough, que interpretava sua irmã Tracy, faleceu com apenas 52 aos de idade.

Bonaduce e Suzanne Crough


Na época da morte da atriz ele declarou "Todos pensavam que eu seria o primeiro Partridge a morrer, mas infelizmente foi a pequena Tracy. Suzanne era uma mulher maravilhosa e uma boa mãe, sentiremos sua falta".


Brian Forster, Suzanne Crough, David Cassidy, Danny Bonaduce reunidos em 2010.

Bonaduce foi preso algumas vezes, por brigas ou devido ao vício em drogas, o que fez com ele perdesse seu programa de rádio, que era bastante popular.

Ele constantemente é convidado para programas de fofocas, onde geralmente tece suas opiniões fortes e bastante controversas. Ele estrelou um reality show chamado Breaking Bonaduce (2005), feito pelo canal VH1. Nele, mostrava o seu dia a dia, e seu conturbado casamento. Também trabalhou como lutador de luta livre por um tempo.


Em 2006 participou de alguns episódios de CSI: Investigação Criminal (CSI: Crime Scene Investigation) e em 2012 estrelou Pé Grande (Bigfoot, 2012), uma produção de baixo orçamento, que teve como co-astro o ator Barry Williams, o Greg Brady de A Família Sol-Lá-Si-Dó (The Brady Bunch), seriado rival de A Família Dó-Ré-Mi.

Bonaduce e Barry Williams em Pé Grande

Bonaduce, Shirley Jones e Dsvid Cassidy



Curta nossa página no Facebook
Se inscreva no nosso canal do Youtube

0 comentários:

Enviar um comentário

Se inscreva no nosso canal no Youtube

Postagem em destaque

A viagem de Clark Gable ao Brasil