Morre Johnny Yune, protagonista de Eles Me Chamam de Bruce


O comediante sul coreano Johnny Yune faleceu no dia 08 de março, aos 83 anos de idade. Ele protagonizou a comédia Eles Me Chamam de Bruce (They Call Me Bruce, 1982) e a continuação Ainda Me Chamam de Bruce (They Still Call Me Bruce, 1987).



Nascido em 22 de outubro de 1936, Johnny Yune mudou-se para os Estados Unidos em 1962, após ganhar uma bolsa de estudos. Nos EUA, começou também a fazer stand-up, e sua grande oportunidade veio após ser entrevistado no programa de Johnny Carson.

O ator Charlton Heston era um dos convidados do talk show, mas não apareceu, e para preencher o programa Yune ficou com o bloco que seria dedicado a Heston. Ele agradou tanto, que participaria outras 30 vezes do programa ao longo dos anos.

Como ator, estreou fazendo uma participação na série Kung Fu, em 1974. E entre 1976 e 1977 fez algumas aparições na série M*A*S*H.

Harry Morgan e Johnny Yune em M*A*S*H

Yune estreou no cinema em Meteoro (Meteor, 1979), e também atuou em Quem Não Corre, Voa (The Connonball Run, 1981), antes de estrelar Eles Me Chamam de Bruce (They Call Me Bruce, 1982).

Jackie Chan e Johnny Yune em Quem Não Corre, Voa

Trecho de Eles Me Chamam de Bruce

Ele ainda atuaria no filme Nada em Comum (Nothing in Common, 1986), estrelado por Tom Hanks e Jackie Gleason, e ao lado de Bob Hope e Brooke Shields, se apresentou na abertura dos jogos olímpicos de Seul.

De 1989 a 1990 teve um programa de entrevistas na televisão sul coreana. Seu último trabalho como ator foi uma participação em uma série de TV em 2004.

Johnny Yune morreu após sofrer um derrame, em 08 de março de 2020. Ele tinha 83 anos de idade.



0 comentários:

Enviar um comentário

Se inscreva no nosso canal no Youtube

Postagem em destaque

A viagem de Clark Gable ao Brasil