Patricio Bisso, o artista multitalentoso, morre aos 62 anos de idade


O ator, jornalista, figurinista, ilustrador e cenógrafo Patricio Bisso faleceu no dia 14 de outubro, em decorrência de uma parada cardiorrespiratória. Nascido em Buenos Aires, em 01 de janeiro de 1957, Patricio foi um grande artista da cena LGBTQ paulistana na década de 1980.


One-Man Show, Bisso costumava fazer performances travestido, e uma de suas personagens mais populares era a divertida sexóloga Olga del Volga. Ele chegou a levar a personagem para o cinema no longa Olga del Volga (2004), que nunca foi finalizado.

No cinema, estreou em Maldita Coincidência (1979), e atuou em diversos filmes, como Das Tripas Coração (1982), O Homem do Pau-Brasil (1982), Onda Nova (1983), A Estrela Nua (1984), Além da Paixão (1985), Brasa Adormecida (1987) e Dias Melhores Verão (1987).

Patricio Bisso e Rita Lee em Dias Melhores Virão

Também figurinista, fez as roupas do filme O Beijo da Mulher Aranha (1984), no qual também atuou. Patricio Bisso vivia na Argentina, e faleceu aos 62 anos de idade.



Curta nossa página no Facebook

Se inscreva no nosso canal do Youtube

0 comentários:

Enviar um comentário

Se inscreva no nosso canal no Youtube

Postagem em destaque

A viagem de Clark Gable ao Brasil