Morre a atriz e cantora mexicana Flor Silvestre, aos 90 anos de idade


Morreu no dia 20 de novembro a atriz e cantora mexicana Flor Silvestre, conhecida pelos apelidos "Alma da Música Ranchera, Rainha da Música Mexicana, A Sentimental e A Voz que Acaricia." Estrela de mais de 70 filmes, Flor Silvestre era viúva do ator Antonio Aguilar.




Guillermina Jiménez Chabolla nasceu em 16 de agosto de 1930. Flo Silvestre começou a cantar ainda criança, nas festividades locais de sua cidade natal, Salamanca. Em 1943 estreou nos palcos do Teatro del Pueblo, na Cidade do México.

Em 1950, quando já era uma estrela internacional, gravou seu primeiro disco, pela Columbia Records. Seu primeiro filme foi Primero soy mexicano (1950), dirigido por Joaquín Pardavé e co-estrelado por Pardavé e Luis Aguilar. Ela também atuou em filmes com comediantes populares, como Cantinflas, Tin Tan, Resortes e Viruta y Capulina.


Com o marido, Antonio Aguilar, fez diversos filmes. Também atuou em Dos Locos en Escena (1960), primeiro filme de Roberto Gómez Bolaños, o eterno Chaves. Ao lado do ator japonês Toshiro Mifune protagonizou o drama Ánimas Trujano (1962), o segundo filme mexicano nomeado para um Oscar.

Flor Silvestre e Toshiro Mifune



Flor Silvestre e Antonio Aguillar






0 comentários:

Postar um comentário

Se inscreva no nosso canal no Youtube

Postagem em destaque

A viagem de Clark Gable ao Brasil