Por Onde Anda? Christopher Atkins, de A Lagoa Azul

 

Em 12 de setembro de 1980 estreava nos cinemas o filme A Lagoa Azul (The Blue Lagoon, 1980), um grande sucesso de bilheteria e um dos filmes mais reprisados da televisão brasileira.

A história dos dois jovens náufragos era um remake de um clássico de 1949 (leia mais sobre isto aqui) era estrelada por Brooke Shields e pelo estreante Christopher Atkins, que tinha 19 anos na época.


Christopher Atkins Bomann nasceu em Rye, Nova York, em 21 de fevereiro de 1961. Atkins não tinha pretensões de ser ator, e sonhava em ser jogador de beisebol, mas seu sonho de atleta foi interrompido após problemas nos joelhos.

Ele trabalhava como modelo e instrutor de vela quando um amigo o convenceu a fazer o teste para A Lagoa Azul. E embora fosse inexperiente na atuação, derrotou mais de 400 candidatos na seleção. O fato de ser praticante de mergulho contou muitos pontos.


O filme custou apenas 4,5 milhões de dólares, mas arrecadou 58 milhões nas bilheterias. Mas apesar do sucesso, recebeu respostas negativas da crítica. Pelo seu desempenho, Atkins foi indicado ao Globo de Ouro de Ator Revelação.

Depois de uma estréia promissora, ele só fez algumas dublagens e um filme para a televisão, retornando ao cinema apenas em Romance Pirata (The Pirate Movie, 1982), ao lado de Kristy McNichol

Também cantor, a canção How Can I Live Whithout Her foi incluída na trilha sonora, e alcançou a 71ª posição no ranking da Billboard. Ainda em 1982, posou nu para a revista Playgirl.


Em 1983 estrelou Uma Noite no Paraíso (A Night in Heaven, 1983), mas acabou recebendo o Framboesa de Ouro de Pior Ator daquele ano. Em seguida ingressou no elenco da popular série Dallas, permanecendo por duas temporadas.

Linda Grey e Christopher Atkins em Dallas

Nos anos seguinte sua carreira decaiu, e ele acabou aceitando algumas propostas pouco relevantes para sua carreira. No México, atuou no trash El Ataque de los Pájaros (1987), anunciado no país como uma espécie de sequência do clássico Os Pássaros, de Alfred Hitchcock.

Também atuou em Loucademia Funerária (Mortuary Academy, 1988), Desencontros (Listen to Me, 1989), Shakma: A Fúria Assassina (Shakman, 1990) e O Despertar de Drácula (Dracula Rising, 1993). Em 1994 participou de um episódio da série erótica Red Shoe Diaries.

Christopher Atkins em O Despertar de Drácula

Em 1996 Randal Kleiser, o diretor de A Lagoa Azul, o convidou para atuar em A Última Festa (It's My Party, 1996), e em 1999 reencontrou Brooke Shields quando atuou em um episódio de Sunddely Susan, série protagonizada pela atriz.

Brooke Shields e Christopher Atkins em Suddenly Susan

Nos anos seguintes atuou em filmes pouco expressivos, como O Pequeno Unicórnio (The Little Unicorn, 2001), Não Me Esqueça (Forget Me Not, 2009), Unidos Pelo Destino (The Sparrows: Nesting, 2015) e em fez participações em séries de TV, como CSI: Investigação Criminal (CSI: Crime Scene Investigation), em 2014.

Em 2016 fez parte do elenco regular da série The Eleventh

Christopher Atkins em The Eleventh

Apesar de ainda atuar, paralelamente administra a sua empresa de construção de piscinas de luxo, e tem uma linha de produtos esportivos e de pesca.

Christopher Atkins foi casado entre 1985 e 2007, e tem dois filhos. Brittney Bomann, sua filha, também é atriz.

Christopher Atkins e sua filha Brittney Bomann

Christopher Atkins atualmente


Curta nossa página no Facebook
Se inscreva no nosso canal do Youtube

0 comentários:

Publicar um comentário

Se inscreva no nosso canal no Youtube

Postagem em destaque

A viagem de Clark Gable ao Brasil