Billy “Froggy” Laughlin, o mais jovem Batutinha a morrer (aos 16 anos de idade)

 

Foram muitas as crianças que passaram pelo elenco de Os Batutinhas (Our Gang), uma série de comédias curtas, protagonizadas por atores mirins, que foram produzidas por Hal Roach entre 1922 e 1944.

E muitos destes artistas mirins tiveram finais tristes. Darla Hood morreu com apenas 47, após contrair hepatite numa transfusão de sangue feita em uma cirurgia; Clifton Young morreu em um incêndio, aos 34 anos de idade e Carl "Alfalfa" Switzer foi assassinado em 1959, com apenas 31 anos de idade.

Mas foi Billy "Froggy" Laughlin o mais jovem a morrer, com apenas 16 anos de idade.



Billy Froggy Laughlin tinha os olhos estrábicos, e usava grandes óculos, e particularmente acho-o muito parecido com outro ator mirim, Brandon de Wilde (que também morreu muito cedo). Mas sua principal característica era uma voz rouca e engraçada, quase parecendo uma possessão demoníaca, que lhe valeu ou apelido "Froggy" (frog em inglês é sapo).

Muitos achavam que ele era dublado, mas na verdade era o menino que fazia esta voz, que surgiu como uma brincadeira, imitando o personagem Popeye. Um agente da MGM viu o menino imitando Popeye, e o levou para os filmes de Roach.

William Robert Laughlin nasceu em 05 na Califórnia, em 05 de julho de 1932, e seu irmão Mickey Laughlin (1936-1996), também fez alguns filmes como um Batutinha.



Mickey só teve alguns papéis secundários, em poucos curtas, mas Billy Froggy atuou em 30 filmes, entre 1940 e 1944, e foi protagonista de alguns deles. Tanto que seu personagem foi revivido no remake de 1994.


Cartaz de Tale of Dog (1944), com destaque para Billy "Froggy" Laughlin

Em 1944, quando completou 12 anos, ele deixou o elenco de Os Batutinhas. Ele ainda atuou em Johnny Doesn't Live Here Anymore (1944), um filme da Monogram. Depois, disse para sua mãe que não tinha mais interesse em atuar, e foi viver a vida normal de um pré-adolescente. 


Billy "Froggy" Laughlin em Johnny Doesn't Live Here Anymore


No seu aniversário de 16 anos, seus pais lhe deram uma scooter motorizada, que ele usava para entregar jornais, seu novo emprego depois de deixar o show business.

Mas poucos dias depois de ganhar o presente, comprado com o dinheiro que ele ganhou no cinema, ele e um amigo estava fazendo entregas de jornais, quando bateram de frente com um caminhão, que vinha no sentido oposto. O amigo que pilotava, não viu o veículo se aproximando em uma curva em U.

No acidente, apenas Billy Laughlin se feriu. Ele faleceu no hospital seis horas depois, com apenas 16 anos de idade.

Apenas 7 crianças que interpretaram os Batutinhas ainda vivem. Entre eles Robert Blake, o futuro Baretta, e Margareth Kerry, a atriz que inspirou a Sininho, de Walt Disney.

Dos sobreviventes, a mais velha é Mildred Korman, que está com 95 anos de idade, e é uma das últimas artistas que atuaram no cinema mudo ainda vivas.


Billy “Froggy” Laughlin aos 16 anos de idade

Billy “Froggy” Laughlin e Valerie Lee em Os Batutinhas






Leia também: Mildred Korman e Os últimos artistas do cinema mudo ainda vivos

Veja Também: Lia Torá, a Primeira Brasileira em Hollywood


Curta nossa página no Facebook
Se inscreva no nosso canal do Youtube
Siga também nosso Instagram

0 comentários:

Postar um comentário

Se inscreva no nosso canal no Youtube

Postagem em destaque

A viagem de Clark Gable ao Brasil