Morre Gerson King Combo, pioneiro do Soul e do Funk no Brasil



Morreu na noite do dia 22 de setembro o cantor brasileiro Gerson King Combo, que  ficou conhecido com a música 'Mandamentos Black' e era chamado de 'James Brown brasileiro'. Ele morreu após infecção generalizada e complicações de diabetes. Nascido no Rio de Janeiro em 30 de novembro de 1943, Gérson Rodrigues Côrtes era irmão de Getúlio Côrtes, autor da música "Negro gato", famosa com Roberto Carlos e Luiz Melodia.


Gérson começou a carreira com o nome real e fez parte de várias bandas, como Renato e Seus Blue Caps, Fevers e Fórmula Sete. Ele também foi autor de hits da Jovem Guarda.

Depois, passou a se dedicar mais à black music e ao soul, fazendo parte de uma cena que tinha também Carlos Dafé, Hyldon, Cassiano, Tim Maia, Sandra de Sá e Banda Black Rio. O primeiro álbum, "Gérson King Combo Volume I", saiu em 1977.

O disco tinha a música "Mandamentos Black", o maior sucesso da carreira dele, utilizado em trilhas sonoras de séries e filmes. Nos anos 90, trabalhou como coordenador de eventos de uma fundação para crianças carentes. Nos anos 2000, retomou a carreira.

Após um período sem o reconhecimento merecido, ele foi "redescoberto" por uma nova geração em busca de um som "old school" e seguia fazendo shows.

Em novembro de 2019, às vésperas de completar 76 anos, lançou "Uma chance ao vivo", primeiro single do álbum "Gerson King Combo 70 anos". O registro foi feito anos antes, em 28 de novembro de 2013, na véspera do 70º aniversário do cantor.


0 comentários:

Publicar um comentário

Se inscreva no nosso canal no Youtube

Postagem em destaque

A viagem de Clark Gable ao Brasil