Cantor e Ator Trini López morre aos 83 anos anos, em decorrência do Covid-19

 

O cantor e ator Trini López faleceu no dia 11 de agosto, em consequências do Coronavírus. O artista tinha 83 anos de idade. López emplacou sucessos como La Bamba, If I Had a Hammer e Speedy Gonzalez.

          

Trinidad López III nasceu em Dallas, Texas, em 1937, e era filho de músicos mexicanos que se mudaram para os Estados Unidos. Seu pai, Trinidad Lopez II, era cantor, dançarino, ator e músico.

Trini formou sua primeira banda com apenas 15 anos em Wichita Falls, Texas, e conseguiu um contrato com a Columbia Records com sua banda The Big Beats depois que o pai de Buddy Holly os recomendou ao produtor de Holly, Norman Petty.

Como artista solo, Lopez foi contratado por Frank Sinatra para seu selo Reprise Records, e ele se tornou um astro na década de 60.

Além de vários sucessos nas paradas, López também trabalhou no cinema, incluindo atuando no clássico de guerra Os Doze Condenados (The Dirty Dozen, 1967), onde interpretou Pedro Jimenez. Em 1973 ele estrelou o filme Antonio (1973) e também apareceu cantando, como ele mesmo, em filmes como Vamos Casar Outra Vez (Marriage on the Rocks, 1965) e O Ópio Também é Uma Flor (Poppies Are Also Flowers, 1966).

Trini López em Os Doze Condenados


Veja Também: Os artistas que morreram vítimas do Coronavírus

2 comentários:

Se inscreva no nosso canal no Youtube

Postagem em destaque

A viagem de Clark Gable ao Brasil