O trágico Junior Durkin, morto aos 19 anos, poderia ter sido um astro como Rock Hudson?


Em 04 de maio de 1935 Junior Durkin faleceu em um acidente de automóvel. Com dez filmes em sua carreira, que durou apenas cinco anos, Junior tinha apenas 19 anos quando morreu no acidente, amplamente repercutido pela imprensa.

Hoje um tanto esquecido pelos fãs de cinema, o breve ator teve no filme As Aventuras de Tom Sawyer (Tom Sawyer, 1930), seu papel mais famoso. Ele interpretou o aventureiro Hucklerry Finn, ao lado do amigo Jackie Coogan, que viveu o personagem Tom Sawyer, ambos saídos das páginas do livro de Mark Twain.

Coogan, que havia interpretado o menino no filme O Garoto (The Kid, 1925) de Charlie Chaplin e Junior Durkin ficaram muito amigos, e a morte do jovem ator esta diretamente ligada a esta amizade.

Jackie Coogan, Mitzi Green e Junior Durkin em Aventuras de Tom Sawyer

A breve vida de Junior Durkin, nascido Trent Bernard Durkin, em 02 de julho de 1915 dava um filme. Seu pai, que era dono de um hotel, abandonou a família quando ele era ainda um bebê. Sua mãe, a atriz Florence "Molly" Edwards passou a preparar então os três filhos para fazer deles estrelas, e assim ajudarem no orçamento doméstico. Gertrude nunca conseguiu uma chance no cinema, mas sua outra irmã, Grace Durkin fez alguns filmes na década de 30, antes de abandonar as telas, após se casar.

Aos dois anos de idade Junior Durkin já trabalhava no teatro, vestido de cupido, na peça Some Night (1917). Aos oito anos, já contracenava com a lendária Alla Nazimova em Dagmar (1923). Trabalhando na Broadway e também em shows itinerantes, sua carreira começava a despontar.

Mas em 1930 sua mãe faleceu, e Junior ficou desamparado, aos 15 anos de idade. Com experiência teatral, ele foi para Hollywood, que precisava de atores com boa dicção para os primeiros dias do cinema falado.

Ele conseguiu um teste na Warner, que lhe deu um papel como filho de Belle Bennet em Recaptured Love (1930). O rapaz recebeu boas críticas.

Belle Bennet e Junior Durkin

Após fazer um papel quase imperceptível em Caminho de Santa Fé (The Santa Fe Trail, 1930), Junior então foi testado para As Aventuras de Tom Sawyer, junto com Jackie Coogan, antigo astro mirim que começava a ficar adolescente. Na época, ambos tinham 15 anos de idade.

Durkin conseguiu o papel, e ele e Coogan ficaram grandes amigos.


O filme fez tanto sucesso que o trio de crianças protagonistas, Durkin, Coogan e Mitzi Green, foram escalados para a continuação, Mocidade Feliz (Huckblerry Finn, 1931).


Em seguida, ele atuou em A Casa Infernal (Hell's House, 1932), onde contracenou com Bette Davis. Mas agora, com 17 anos, ele já não tinha mais o mesmo encanto juvenil para ser um astro mirim, apesar de ainda ter recebido boas críticas em Man Hunt (1933), feito em um estúdio menor.

Quando Junior Durkin ficou órfão, passou a ser tutelado por Marian Gering, uma produtora da Broadway, mas agora ele estava novamente só. O ator tentou voltar a Broadway, mas atuou em uma produção que foi um grande fracasso.

Em Nova York, o jovem conheceu o agente Henry Wilson, que ficou famoso por agenciar atores bonitos em Hollywood, como Tab Hunter, Troy Donahue, Jeffrey Hunter e o mais famoso deles, Rock Hudson. Wilson foi o responsável por tornar seus contratados astros, e teve em Junior Durkin seu primeiro cliente. Também levou seu protegido para morar em sua residência, onde tornaram-se amantes.

Normalmente, Wilson frequentava bares gays atrás jovens bem apessoados, e os abordava dizendo "você é muito bonito, deveria trabalhar com cinema". Henry Wilson, cujo cartão de visitas dizia literalmente "se você estiver interessado em entrar no cinema, eu posso ajudá-lo", é famoso nos bastidores do cinema por cobrar favores sexuais de seus agenciados.

Wilson conseguiu que seu cliente retornasse a Warner, em um pequeno papel no filme Big Hearted Herbet (1934), e o fez mudar seu nome artístico para Trent Durkin, para fugir do passado de ator mirim.

O agente conseguiu que Durkin atuasse em Surpresas de Cupido (Ready for Love, 1934) e Pobres de Carinho (Little Men, 1934), porém, sem muito destaque.


Durkin acabará de filmar O Crime de Sylvestre Bonnard (Chasing Yesterday, 1935), na RKO, quando resolveu tirar uns dias de folga, e ir visitar o amigo Jackie Coogan, para comemorar o aniversário dele.

No rancho de Coogan, nos arredores de San Diego, seu amigo Jackie lhe mostrou o carro que havia ganho de seu pai, pelo seu vigésimo aniversário. Durkin, Coogan e mais alguns amigos foram dar uma volta no novo veículo.

Jackie Coogan Sr., o pai do ator aniversariante, dirigia o veículo em uma estrada ali perto, quando precisou desviar de um carro que vinha na contra-mão. Ele acabou perdendo o controle, capotando sete vezes antes de cair em um barranco. Morreram no acidente Jackie Coogan Sr., Junior Durkin, o roteirista Robert J. Horner e o capataz do rancho, Charles Jones.

Apenas Jackie Coogan sobreviveu ao acidente, sendo o único passageiro que permaneceu dentro do carro.

Após o ocorrido, sua mãe casou-se pouco tempo depois, com o agente do ator. Coogan havia sido um astro mirim, e tinha ganho uma pequena fortuna com o cinema, mas seu padrasto gastou todo seu dinheiro, deixando-o praticamente na miséria, ainda mais quando os papéis começaram a diminuir. Jackie Coogan processou a mãe e o novo marido, e após uma longa batalha judicial, uma lei foi criada para proteger o patrimônio adquirido por crianças que trabalhavam, que foi chamada de Lei Coogan. Mas somente no ano 2000 que a lei norte-americana garantiu que todos os ganhos ficassem com a criança, sem os pais ter direito algum sobre o patrimônio. A decisão judicial usou como argumento o caso do ator Macaulay Culkin.

Em 1964 Jackie Coogan voltaria a fama, ao interpretar o Tio Fester (Chico, no Brasil) na série A Família Addams.

Jackie Coogan

Mais de duzentas pessoas da indústria do cinema compareceram ao funeral de Junior Durkin, que estava escalado para atuar em Fúrias do Coração (Ah Wilderness!, 1935), da MGM.

Mickey Rooney, que também havia sido um ator mirim acabou ficando com o papel, que foi um divisor de águas em sua carreira, marcando a transição para a fase mais adulta. Junior Durkin, cujo desempenho já foi comparado ao de Henry Fonda, poderia enfim ter conquistado as glórias em sua carreira, ainda mais com os esforços (pouco ortodoxos) de Henry Wilson, que chegou a destruir carreiras para promover seu novo protegido Rock Hudson, anos mais tarde.

Bette Davis e Junior Durkin

0 comentários:

Enviar um comentário

Se inscreva no nosso canal no Youtube

Postagem em destaque

A viagem de Clark Gable ao Brasil