Morre o ator italiano Giulio Brogi, protagonista de O Leão de Sete Cabeças, de Glauber Rocha


Morreu no dia 19 de fevereiro o ator italiano Giulio Brogi, aos 83 anos de idade. Em 1970 ele protagonizou o filme O Leão de Sete Cabeças, filme do cineasta brasileiro Glauber Rocha, uma produção italiana, rodada no Congo.

Nascido em Verona, em 13 de maio de 1935, Giulio Brogi iniciou sua carreira no teatro, no começo da década de 60, nos palcos do Piccolo Teatro de Milão. Nos palcos, foi dirigido por nomes como Strehler, Squarzina, Zeffirelli, Triumph, Missiroli e Carriglio. O ator estreou no cinema em Os Subversivos (I sovversivi, 1967), dos irmãos Paolo e Vittorio Taviani

 Fabienne Fabre e Giulio Brogi em Os Subversivos

Brogi foi dirido por grandes cineastas, como Liliana Cavani em Galileu (Galileo, 1968), os irmãos Taviani (novamente) em Sob o Signo de Escorpião (Sotto il segno dello scorpione, 1969), São Miguel Tinha Um Galo (San Michele aveva un gallo, 1972) e Il prato (1979), Marco Bellochio em Il gabbiano (1977), Theodoros Angelopoulos em Viagem a Citera (Taxidi sta Kythira, 1984), Daniele Luchetti em O Homem da Pasta (Il portaborse, 1991), Ermanno Olmi em O Segredo do Bosque Velho (Il segreto del bosco vecchio, 1993) e Paulo Sorrentino em A Grande Beleza (La grande bellezza, 2013).

Em 1970 Brogi interpretou o padre jesuita Pablo em O Leão de Sete Cabeças (1969), o primeiro filme do brasileiro Glauber Rocha rodado no exílio, que denunciava a exploração colonial na África. O filme ainda tem no elenco Jean-Pierre Léaud, o ator francês muso de Truffaut.

 Jean-Pierre Léaud, Glauber Rocha e Giulio Brogi nos bastidores de O Leão de Sete Cabeças

No mesmo ano, Brogi foi protagonista de A Estratégia da Aranha (Strategia del ragno, 1970), dirigido por Bernardo Bertolucci. O filme ainda tinha Alida Valli como co-protagonista. Ao lado de Anna Karina, Brogi estrelou também A Invenção de Morel (L'invenzione di Morel, 1974), adapção do clássico de Adolfo Bioy Casares, dirigido por Emidio Greco.



Alida Valli e Giulio Brogi em A Estratégia da Aranha


Também grande nome do teatro italiano, Giulio Brogi atuou em mais de 50 filmes e programas de televisão. Na noite do dia 18, um dia antes de seu falecimento, a televisão italiana RAI exibiu um episódio inédito da série Il commissario Montalbano, com a participação do ator.

Seu último trabalho no cinema foi no filme La Terra Buona (2018).




O ator faleceu no dia 19 de fevereiro de 2019, aos 83 anos de idade.



Curta nossa página no Facebook


Se inscreva no nosso canal do Youtube

0 comentários:

Enviar um comentário

Se inscreva no nosso canal no Youtube

Postagem em destaque

A viagem de Clark Gable ao Brasil