Escritora Lygia Fagundes Telles morre aos 98 anos





A escritora Lygia Fagundes Telles morreu aos 98 anos em São Paulo. Ícone da literatura brasileira, ela era integrante da Academia Brasileira de Letras desde a década de 80 e já recebeu os prêmios Camões e Jabuti.

Segundo Juarez Neto, da Academia Brasileira de Letras, ela faleceu em casa, de causas naturais.

Lygia recebeu vários prêmios ao longo da carreira, tais como o Camões (2005), e o Jabuti (1966, 1974 e 2001). Ela tem obras traduzidas para o alemão, espanhol, francês, inglês, italiano, polonês, sueco, tcheco, português de Portugal, além de adaptações de suas obras para o cinema, teatro e TV.

No cinema, sua obra foi adaptada para os filmes Já Não Se Faz Amor Como Antigamente (1976), As Três Mortes de Solano (1978), As Meninas (1995), Formigas (2004), A Janela (2008) e A Barca (2019). A novela Ciranda de Pedra também era baseada em um de seus livros, e foi filmada em 1981 e 2008.








0 comentários:

Postar um comentário

Se inscreva no nosso canal no Youtube

Postagem em destaque

A viagem de Clark Gable ao Brasil