Morre a jornalista e apresentadora Leila Richers, aos 65 anos de idade


Morreu no dia 10 de dezembro a jornalista carioca Leila Richers, musa do jornalismo brasileiro na década de 1980. Leila lutava contra um câncer há um ano.

Formada em jornalismo pela UFRJ, em 1986, Leila Richers foi repórter e editora de moda das revistas Desfile e Manchete, na Editora Bloch. Na TV Manchete, foi apresentadora do Jornal Panorama, bem como editora de política e editora do Jornal da Manchete - Segunda Edição. Também trabalhou na CNT, MultiRio e TVE Brasil.

Antes de ser jornalista, Leila Richers foi modelo. O sobrenome Richers veio do casamento com Ronaldo Richers, filho do empresário da dublagem Herbert Richers. Em 1991, também fez cinema, atuando em Manobra Radical (1991), que ainda tinha no elenco a futura jornalista esportiva Glenda Koslowski.






Veja também: Raul Gil já foi ator

Curta nossa página no Facebook
Se inscreva no nosso canal do Youtube



2 comentários:

  1. Q triste, a morte da Leila Richers!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

    ResponderExcluir
  2. Que Adonay Elohym conforte os corações dos familiares e amigos!!!!

    ResponderExcluir

Se inscreva no nosso canal no Youtube

Postagem em destaque

A viagem de Clark Gable ao Brasil